ASSINE: (14) 3104-3144  |  ATENDIMENTO JC  |  BUSCA  |  EDIÇÃO DIGITAL  |  SEGUNDA-FEIRA
JCNET.com.br
Bauru e grande região - Sábado, 06 de fevereiro de 2016
máx. 33° / min. 23°
Geral

Direção defensiva: saiba como a velocidade influi na frenagem do veículo

Quanto maior a velocidade desenvolvida, maior a distância necessária para ele parar e maior o risco de acidente

Ao pisar no freio do veículo, ele não para instantaneamente. Entre o momento que o motorista observa um obstáculo à sua frente e decide acionar os freios até o instante que o carro realmente para, ele se desloca vários metros. Ao parar, terá percorrido uma distância que, entre outros fatores, depende do tempo de percepção e de reação do motorista e da velocidade em que o veículo se encontrava no início da frenagem.

Quanto maior a velocidade do veículo, maior a distância necessária para ele parar e, consequentemente, maior a probabilidade de ele envolver-se num acidente, ressalta Nivaldo Bautz, engenheiro de saúde e de segurança da CART – Concessionária Auto Raposo Tavares. Pelos cálculos de especialistas, considerando os tempos de percepção, de reação e de parada, se um carro estiver a 80km/h em pista seca vai percorrer em média 57 metros até parar totalmente assim que o motorista observar o obstáculo e decidir frear.

Se o mesmo veículo estiver a 100 km/h, a distância aumenta para 83 metros. Em pista molhada, com chuva, o veículo percorre uma distância ainda maior para parar totalmente.

Por isso, dirija sempre de forma defensiva, respeitando as leis de trânsito e os limites de velocidade. Aumentar um pouquinho a velocidade pode economizar minutos no final da viagem, mas também pode tirar vidas.

Tenha sempre em mente que a vida é o maior bem a ser preservado. Se o tráfego estiver lento, mantenha a calma. Para evitar estresse, programe a viagem já considerando o tempo que poderá gastar no trânsito e com imprevistos. Você, motorista, é o elemento mais importante do trânsito! Dirija com segurança!

A CART, uma empresa Invepar Rodovias, é engajada na Década Mundial de Ações pela Segurança no Trânsito, que tem como meta diminuir pela metade, até 2020, o número de vítimas de acidentes de trânsito no Brasil. A Concessionária promove uma série de atividades de orientação e educação no trânsito ao longo do Corredor Raposo Tavares.

Divulgação/Cart
 

Em pista molhada

A chuva reduz a visibilidade do motorista e deixa a pista molhada. Para evitar envolver-se em acidente, é necessário estar alerta, redobrar a atenção, manter acionada a luz baixa do farol, aumentar a distância do veículo à frente e reduzir a velocidade.

Com água na pista, pode ocorrer a aquaplanagem, que é a perda da aderência do pneu ao solo. É quando o veículo flutua na água e o motorista perde o controle sobre ele. Para evitar esta situação de perigo, o condutor deve observar com atenção a pista, reduzir a velocidade utilizando os freios antes de entrar na região com quantidade elevada de água devido à chuva.

Se o veículo deslizar sobre a pista molhada, tire o pé do acelerador, não acione a embreagem ou o freio. Segure firme o volante e deixe o atrito com água reduzir a velocidade até que as rodas adquiriram contato com o piso novamente.

As Mais Compartilhadas no Face
publicidade

Projeto Cidade Promoções e Eventos
(SF) © Copyright 2016 Jornal da Cidade - Todos os direitos reservados - Atendimento (14) 3104-3104 - Bauru/SP