ASSINE: (14) 3104-3144  |  ATENDIMENTO JC  |  BUSCA  |  NEWSLETTER  |  EDIÇÃO DIGITAL  |  SEGUNDA-FEIRA
JCNet.com.br
Bauru e grande região -
máx. 29° / min. 17°
Carregando
Política
Economia
Geral
Polícia
Bairros
Esportes
Regional
Cultura
Nacional
Internacional
Carnaval 2014
Classificados
Agendinha
Cinema
Bauru Pocket
Tribuna do Leitor
Entrelinhas
Tá Valendo
Em Confiança
Horóscopo
Falecimentos
JC na escola
Loterias
Atendimento JC
No JC
Nacional

SP: filósofo morre durante entrevista em rádio

Compartilhar via Facebook
Compartilhar via Google+
Reprodução
Espírita e filósofo morreu durante programa de rádio

“Rapaz, eu tô sumindo”. Essa foi a última frase dita pelo espírita e filósofo Romeu de Toledo Zandona, antes de morrer, durante uma entrevista nos estúdios da Rádio Boa Nova e TV Mundo Maior, em São Paulo, nesta quinta-feira (27).

Um vídeo postado na quinta-feira (27) no canal da TV Mundo Maior, no Youtube, mostra o momento exato em que o filósofo passou mal. Ironia do destino ou não, Zandona falava justamente sobre a morte com o diretor da rádio, Jether Jacomini Filho, quando morreu.

Em entrevista ao jornalista Felipe Ohno, Jacomini explicou que o filósofo havia sido convidado para participar do programa “Nova Consciência - A Força das Ideias”, em homenagem ao centenário do educador de Avaré, José Herculano Pires.

“Durante o programa, discutíamos sobre um livro de Herculano e ele estava muito feliz, muito à vontade, pois falava de Deus, do espírito, da alma”, lembra.

No vídeo, Jacomini define o amigo como uma pessoa verdadeira e coerente. “Ele era um buscador da verdade com fé. E fé raciocinada”, conclui.





publicidade




Projeto Cidade Promoções e Eventos
(SF) © Copyright 2014 Jornal da Cidade - Todos os direitos reservados - Atendimento (14) 3104-3104 - Bauru/SP