ASSINE: (14) 3104-3144  |  ATENDIMENTO JC  |  BUSCA  |  EDIÇÃO DIGITAL  |  SEGUNDA-FEIRA
JCNET.com.br
Bauru e grande região - Sábado, 24 de junho de 2017
máx. 27° / min. 13°
19/06/09 03:00 - Economia

Volta do rodeio marca Grand Expo deste ano

Luiz Beltramin
Após um hiato de cinco anos, o rodeio volta a ser um dos principais atrativos da Grand Expo Bauru, cuja 36.ª edição, marcada para o período entre os dias 6 e 16 de agosto, foi lançada oficialmente ontem, em evento realizado à noite, na Fazendinha do JC, dentro do Recinto Mello Moraes, tradicional reduto da exposição.

Interrompida por força de medida judicial impetrada por entidades que condenam o evento alegando maus-tratos a animais, a festa de peão também retorna ao evento por força dos tribunais, após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), no início do ano. “Faremos tudo dentro das normas e da lei”, antecipa o empresário Erico Braga, presidente da Associação Rural do Centro Oeste (Arco), entidade responsável pela organização da exposição. “O processo correu em todos os trâmites. Teremos um evento regulamentado, dentro da lei, com segurança e tranqüilidade”, garante o organizador.

O rodeio contará com a presença de, aproximadamente, duas dezenas de peões, que passarão por provas seletivas antes de integrar a disputa pelo prêmio de R$ 40 mil que será oferecido pela festa em Bauru. As provas, salienta Braga, ocorrerão entre os dias 13 e 16.

Além do retorno das montarias, outro item que reforça o caráter popular da Grand Expo, enfatiza Braga, será a entrada franca ao público durante cinco dias de festa. “Os dois domingos e mais três dias durante a semana terão a entrada franqueada”, anuncia. “Domingo é o dia de mais movimento. Para uma família grande, o ingresso seria oneroso. Dessa forma, garantimos maior participação em todos os atrativos da festa”, salienta.

As entradas, no valor de R$ 10,00, serão cobradas, ressalva o organizador, em dias de grandes shows. A medida, enfatiza, visa garantir a segurança do evento. “Quinta, sexta e sábado, os portões serão fechados às 16h. O ingresso será cobrado por shows de primeira linha. Se mantivermos os portões abertos, nestas ocasiões, poderemos ter aqui 60 mil pessoas (em apenas um dia). É questão de segurança”, pondera Braga.

Ele salienta que o evento, tanto em termos de entretenimento quanto no aspecto de negócios - a expectativa é de um giro de R$ 25 milhões - proporciona evidente fomento econômico à cidade. “Muita gente virá para Bauru e utilizará a rede hoteleira, comércio e restaurantes. Teremos shows de primeira linha, com preço que não há em lugar algum”, reitera.

Público

Um público diferenciado, devido ao retorno das montarias, em comparação aos anos anteriores, também é aguardado para a edição deste ano da Grand Expo, enfatizam os organizadores, que esperam um total estimado de 250 mil visitantes. “Teremos um público diferenciado, bem mais variado”, considera Arnaldo Constante, responsável pela comercialização dos espaços comerciais da feira. “Creio que, neste ano, principalmente, a praça de alimentação estará bastante diversificada”, aposta o integrante da Arco.

Vocação

Para o deputado estadual Pedro Tobias, presente no lançamento oficial do evento, ontem, na Fazendinha do JC, a festa enaltece a grande e legítima vocação brasileira que, para o parlamentar, sempre foi e será o agronegócio. “Com essa crise mundial, a exposição serve para mostrar que o setor (rural) é o que sustenta o nosso País”, destaca. “A feira é um grande marco para o Estado de São Paulo e fora também”, enaltece.

Exposição

Serão realizados competições e leilões de animais, envolvendo cerca de 3 mil cabeças entre bovinos, ovinos e eqüinos. Os visitantes, de acordo com a Arco, terão oportunidade de conhecer particularidades das raças em exposição, assistir a disputas protagonizadas pelo Núcleo Bauruense do Cavalo Quarto de Milha (NBQM), além da possibilidade de fechar negócios no evento, que ainda abrigará a primeira edição da primeira Feira de Turismo e Meio Ambiente.


____________________


Prefeito anuncia ampliação
do Recinto Mello Moraes


Durante o lançamento da 36.ª edição da Grand Expo, ontem, o prefeito Rodrigo Agostinho anunciou a recente aquisição de uma área de, aproximadamente, 19 mil metros quadrados, anexa ao Recinto Mello Moraes, por parte da prefeitura, num investimento com cifra superior a R$ 1,2 milhão. “A gente fica feliz por ajudar a Arco a ampliar cada vez mais as ações realizadas neste espaço. Criaremos uma área para estacionamento, uma das grandes reivindicações de quem visita a feira. Isso possibilitará instalações mais adequadas e conforto aos visitantes”, detalha Agostinho explica que o montante será pago em parcelas, que se estenderão até o final de seu mandato.

A pavimentação do local, afirma o prefeito, estaria a cargo do governo do Estado. “Nossa expectativa é muito positiva”, comenta. “A gente fica muito contente de ver a feira com toda essa força abrilhantar ainda mais as festividades do aniversário da cidade”, enfatiza.




publicidade


Projeto Cidade Promoções e Eventos
(SF) © Copyright 2017 Jornal da Cidade - Todos os direitos reservados - Atendimento (14) 3104-3104 - Bauru/SP