Bauru e grande região - Quarta-feira, 13 de dezembro de 2017
máx. 32° / min. 18°
13/12/2017
Em Confiança


A GRANDE CHANCE



O apoio da torcida do Flamengo - a maior do País - no Maracanã lotado pode fazer a diferença em mais um Brasil x Argentina. Eu acredito nisso. Na final desta noite contra o Independiente, o Rubro-Negro tem a grande chance de ganhar um título importante em 2017 após ficar a ver navios na Copa do Brasil, Libertadores e Campeonato Brasileiro. Se o time de Reinaldo Rueda vencer por dois gols de diferença conquista a Copa Sul-Americana, vai para a fase de grupos da Libertadores e ajuda um compatriota, classificando o Atlético-MG para a fase prévia da principal competição continental de clubes. Vitória por um gol de diferença leva a decisão para prorrogação, e se for preciso, pênaltis. O último torneio internacional conquistado pelo Flamengo foi em 1999, a Copa Mercosul, que virou Copa Sul-Americana 2002. Já o Independiente, ganhador na ida por 2 a 1, será campeão com o empate. Parada dura, valendo lembrar que ganhamos a Sul-Americana três vezes, e os hermanos, sete.



SOFRIMENTO



O reserva Everton, que entrou no 2º tempo, foi o herói do Grêmio, fazendo o gol solitário do jogo em Al Ain, que classificou o time gaúcho para a final do Mundial de Clubes. A vitória sobre o Pachuca na prorrogação foi sofrida mas justa, num duelo truncado e com faltas dos dois lados, parecendo a Libertadores. O Grêmio vai tentar o bicampeonato mundial contra Real Madrid ou Al Jazira, que fazem a outra semifinal hoje, às 15h de Brasília, mesmo horário final de sábado em Abu Dhabi.



JOGAÇOS



Acho o Manchester City o maior favorito ao título da Liga dos Campeões da Europa, mas o jogo entre Real Madrid e Paris Saint-Germain, pelas oitavas de final, é quase uma final antecipada, com o duelo Cristiano Ronaldo x Neymar. O primeiro mata-mata da atual Champions League terá outros jogaços como Juventus x Tottenham; Barcelona x Chelsea e Sevilla x Manchester United.



THE FLASH



Além de veloz, o atacante Alef, novo reforço do Noroeste, é habilidoso e oportunista. Estou bem lembrado do Alef na sua passagem São Carlos, em 2016. Esse ano o garoto de Cafelândia defendeu o Desportivo Brasil, um dos gigantes da Série A3 de 2018.



NA MIRA



Noroeste confirma o interesse pela volta de Edno mas por enquanto o meia ofensivo e centroavante está descartado, por ser um jogador caro. Tem mercado na Série A1, acrescento.



HOMENAGEM



O corintiano Clayson, primeiro campeão brasileiro de Botucatu, agora é nome de rua da boa cidade, 100 km de Bauru. Que moral, principalmente porque é uma homenagem em vida.



BARRACO



Irritado com gravação feita pela Crefisa, patrocinadora do Palmeiras, um sócio do Harmonia, clube chique que fica nos Jardins, dirigiu-se a Leila Pereira com ofensas de baixo nível. José Roberto Lamacchia (marido de Leila) não gostou e foi tirar satisfações com o homem que ofendeu sua mulher. Segundo o site da ESPN, houve xingamento, empurrões e raquete de tênis arremessada



MEMÓRIA



Mundial de Clubes de 2013: Raja Casablanca 3 x 1 Atlético-MG, em Marrakesh (Marrocos), gols de Lajour, Moutaouali e Mabide. Ronaldinho Gaúcho para o Galo. Árbitro: Carlos Carballo. Raja Casablanca: El Hachimi; Karrouchy, Mohamed, Oulhaj e Benlamalem; Erraki, Guehi, Chtibi (Mabide) e Montaouali; Lajour e Hafidi (Kanda). Técnico: Nabil Maloul. Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha (Luan), Réver, Leonardo Silva e Lucas Cândido (Alecsandro); Pierre, Josué (Leandro Donizete), Fernandinho e Ronaldinho Gaúcho; Jô e Diego Tardelli. Técnico: Cuca.



AQUELE ABRAÇO



Aquele abraço Décio e todos do Posto Ipiranga/Jardim América.


Leonardo de Brito
publicidade


 
Projeto Cidade Promoções e Eventos
(SF) © Copyright 2017 Jornal da Cidade - Todos os direitos reservados - Atendimento (14) 3104-3104 - Bauru/SP