Bauru e grande região

Auto Mercado

Gasolina comum ou aditivada?

Veja como fazer o teste para descobrir o que é melhor para seu veículo

08/01/2020 - 03h06

EBC

Nem sempre menor preço deve ser a opção na hora de escolher o combustível

Diferente do que muitas pessoas pensam, o aditivo que é acrescentado na gasolina, não o faz ser tão mais potente. O que acontece é que a gasolina comum, quando passa pelo motor, acaba deixando resíduos e sujeiras, o que acaba virando uma goma. Com o tempo, essa goma em excesso, acaba dificultando a passagem da gasolina com o ar, que é o que provoca a queima do combustível e gera energia para o motor, e essa diminuição vai piorando e eficiência do veículo. Quer saber mais? 

Qual a diferença?

A grande e diferença da gasolina aditivada da gasolina comum é que o aditivo é como se fosse um tipo de detergente. Que quando passa pelo motor, dissolve essa goma e evita o aumento dos resíduos. Dessa forma a sujeira se desprende e é queimada junto com o combustível.

Qual o efeito no carro?

A gasolina comum em algum momento vai começar a oxidar o fundo do motor, devido a goma que ela produz e vai ficando acumulada por ali. Isso significa que os resíduos que ficam nas válvulas, podem começar a prejudicar o funcionamento do carro. Já com a gasolina aditivada, as chances de isso acontecer são menores. Já que o próprio combustível promove a limpeza desse sistema, dispersando toda a sujeira para a queima. Sem contar que o tempo para essa oxidação que também pode acontecer de forma natural, é maior. Portanto, para fazer longas viagens, a comum pode ser usada sem maiores problemas, já que ela é usada constantemente, enquanto que a aditivada deve ser usada vez ou outra, para ajudar nessa limpeza.

O que compensa mais?

Para calcular e saber o que compensa mais para o seu carro, se é a gasolina comum ou a gasolina aditivada, é preciso fazer um teste antes. Primeiramente você precisa esvaziar o tanque completamente, e abastecer um certo valor, e rodar, contando para saber quantos quilômetros o seu carro faz, com os dois tipos de combustível. É válido ressaltar que mesmo calculando a autonomia entre as duas, os benefícios da gasolina aditivada devem ser levados em conta. Sabendo essa diferença, você pode escolher qual é a melhor escolha para o seu veículo e tome sempre muito cuidado com combustível adulterado.

Conheça seu carro

Na hora de abastecer é preciso conhecer o motor do seu carro, para minimizar os riscos. A gasolina comum pode trazer sérios problemas para o seu carro, se usado por períodos muito prolongados sem os devidos cuidados e manutenções. Em contrapartida, ao verificar o manual do veículo, é possível encontrar informações valiosas, sobre quais os tipos de combustível são os mais recomendados para o seu veículo.

Ao saber que a gasolina aditivada é mais indicada do que a comum, ou ao contrário, é importante saber que isso deve ser levado a sério e não fazer o contrário. Para que tudo fique ainda mais claro, você pode tirar suas dúvidas e encontrar os pontos positivos sempre que precisar, no manual do proprietário

Esse manual é a principal fonte do que é essencial para o seu carro, consultar informações, tirar dúvidas e saber o que é mais indicado. Para o caso de estar dirigindo em outro país, os valores de octanagem, que possui ligação com o motor. Isso indica que a resistência do combustível à queima acontece dentro da câmara de combustão.

Dentro da câmara, quando o combustível é vaporizado em altas temperaturas, ele resiste sem explodir. Sendo assim, quanto maior for a octanagem, maior é a resistência desse combustível em detonação. E saber disso também ajuda na hora de comparar ao tipo de combustível fica melhor para ser usado no carro. Mas é sempre válido manter as manutenções em dia, assim como a limpeza de todo o sistema do motor.

Ler matéria completa