Bauru e grande região - Terça-feira, 11 de dezembro de 2018
máx. 33° / min. 20°
26/06/10 03:00 - Cultura

Voz inconfundível

Depois de completar 10 anos de carreira, Ana Carolina volta a Bauru pela série ‘Grandes Nomes’; cantora e compositora faz show hoje, às 21h, no Alameda

Da Redação
Os fãs bauruense de Ana Carolina poderão matar a saudade do vozerão inconfundível da cantora que não soa na cidade há nove anos. Aos 26 anos e com a turnê do seu segundo CD, “Ana, Rita, Joana, Iracema e Carolina”, foi que a cantora fez sua primeira e até hoje única apresentação na cidade, realizada na extinta Cervejaria dos Monges. Nesta noite, com 10 anos de carreira completados em 2009 e uma coleção de sucessos, Ana volta a Bauru pela série “Grandes Nomes” e faz show às 21h, no Alameda Quality Center.



“Nove” e “Ana Carolina + Um”, ambos lançados no ano passado, são os últimos lançamentos da cantora. O primeiro tem, como indica o título, nove faixas: “10 Minutos”, “Dentro”, “Ta Rindo, É?”, “Entreolhares”, “Era”, “8 Estórias”, “Resta”, “Torpedo” e “Traição. Já em “+ Um”, que saiu poucos meses após o lançamento de Nove”, Ana faz duetos com Maria, Maria Gadú, Luiz Melodia, Seu Jorge, Roberta Sá, Zizi Possi e Angela Ro Ro. Os convidados dividem os vocais com Ana nas canções “Eu Que Não Sei Quase Nada do Mar”, “Mais Que a Mim”, “Cabide”, “Tá Rindo, É?”, “Milhares de Samba”, “Ruas de Outono” e “Homens e Mulheres”, respectivamente.



Além das músicas destes trabalhos, não devem ficar de fora do repertório de Ana nesta noite os sucessos de todas as épocas da carreira da cantora como “Quem de Nós Dois”, “Encontrar na Tua”, “Uma Louca Tempestade”, “Rosas”, “Carvão” e “Nada Pra Mim” e “A Canção Tocou na Hora Errada”.



Ana começou a cantar profissionalmente aos 18 anos, nos barzinhos da cidade, com o repertório de Jobim, Chico, Ary Barroso e outros clássicos. Em 1998, ela se apresentou no Hipódromo e no famigerado bar Mistura Fina, e na plateia estava a neta de Vinicius de Moraes, Luciana, a qual entregou uma fita demo. Depois de quinze dias, Ana estava com proposta de duas gravadoras, contudo, assinou o contrato com a BMG. Isso fez com que ela se mudasse para o Recreio dos Bandeirantes, e começou a produzir seu primeiro álbum, Ana Carolina.



Naquele ano, duas canções do álbum foram parar em duas trilha sonoras de novelas da TV Globo: “Garganta” foi para em “Andando nas Nuvens” e “Tô Saindo” parou na sucessora, “Vila Madalena”. “Nada pra Mim”, uma inédita composta por John, do mineiro Pato Fu, integrou a trilha de Malhação, em 2000, mesmo ano em que veio a indicação à primeira edição do GRAMMY Latino, na categoria brasileira de “Melhor Álbum Pop Contemporâneo”. Com o álbum, Ana ganhou disco de ouro pelos 250 mil cópias vendidas e foi apontada como “a grande promessa da MPB”, comparada com Cássia Eller e Zélia Duncan.



Promessa comprida, hoje Ana está entre os principais nomes da música brasileira.







• Serviço





Ana Carolina faz show hoje, às 21h, no Alameda (rua Luiz Levorato, 1-55, na altura do km 335 da Rondon). Mais informações pelo telefone (14) 3321-5000.




publicidade
Projeto Cidade Promoções e Eventos
(SF) © Copyright 2018 Jornal da Cidade - Todos os direitos reservados - Atendimento (14) 3104-3104 - Bauru/SP