Bauru e grande região - Terça-feira, 24 de outubro de 2017
máx. 25° / min. 19°
07/05/17 07:00 - Entrelinhas

Entrelinhas

Da Redação

Reunião

Realizado mensalmente em Bauru, o encontro do PPS deste sábado reuniu seus filiados e os candidatos a vereador do último pleito eleitoral, durante atividade na qual foram entregues os diplomas de suplentes disponibilizados pela Justiça Eleitoral. A entrega foi feita pelo vereador Roger Barude (PPS).

Diretório

Ainda na reunião do PPS, realizada na Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), ficou encaminhada para junho a finalização do Diretório Municipal, havendo o entendimento de todos que o atual presidente da Comissão Provisória, Arnaldo Ribeiro, deverá se manter no comando, tendo em vista que em 2018 haverá eleições para eleger deputados, governadores, senadores e presidente.

Novos

Entre os novos filiados do PPS em Bauru, foram apresentados o ex-vereador de Piratininga Bruno Carvão e o ex-secretário da Secretaria Municipal das Administrações Regionais (Sear) Levi Momesso. Com isso, agora, o partido possui cinco ex-secretários do governo Rodrigo Agostinho: Levi (Sear); Edmilson Queiroz (Seplan), Roger Barude (Esportes), Arnaldo Ribeiro (Desenvolvimento Econômico) e Maurício Nascimento (Esportes).

Fundo

O futuro do Fundo de Tratamento de Esgoto (FTE) vai ser discutido de maneira ampla com a sociedade, garante o prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD). Criado em 2006, na gestão do ex-prefeito Tuga Angerami, o Fundo tem como objetivo custear obras relativas ao tratamento de esgoto, como a construção dos interceptores e das Estações de Tratamento de Esgoto (ETE).

Sobras

As ETEs menores, que são de Tibiriçá e Candeia, já precisam de melhorias - o distrito na realidade precisará de uma nova - mas dentro do que o Fundo disponibiliza. Já a ETE Vargem Limpa, a principal, está recebendo verba federal a fundo perdido, o que permitirá sobra de verba do FTE.

Alternativas

Uma das possibilidades é manter o FTE do jeito que está, para custear a manutenção da ETE por vários anos, e discutir um outro Fundo para as melhorias no tratamento e abastecimento de água. Outra alternativa aventada pelo governo, ainda em estudo, é usar o FTE para reformar a atual ETA (na região do Ouro Verde) e na melhoria do sistema de abastecimento.

Debate

Seja qual for a alternativa proposta pelo governo, Gazzetta adianta que abrirá um amplo debate com a sociedade bauruense, através da Câmara Municipal, com participação do Ministério Público, imprensa e ainda com realização de audiência públicas, se necessário. Afinal, são mais de R$ 140 milhões no FTE.

Recape

O prefeito confirma ainda que vai fazer o recape da Avenida Nuno de Assis com equipe da prefeitura, sem depender da Stemag - empresa que fez os interceptores de esgoto e deveria ter executado o serviço. A decisão, na verdade, mantém o previsto pela antiga gestão, em novembro de 2016, na época estimado em mais de R$ 700 mil. Porém, ainda não está definido se o município usará verba do FTE.





publicidade
As Mais Compartilhadas no Face
Projeto Cidade Promoções e Eventos
(SF) © Copyright 2017 Jornal da Cidade - Todos os direitos reservados - Atendimento (14) 3104-3104 - Bauru/SP