Bauru e grande região - Sábado, 18 de novembro de 2017
máx. 27° / min. 22°
12/09/17 07:00 - Tribuna do Leitor

Corrupção hortifrutigranjeira

Fernando Lucilha Jr.

Estamos no Brasil, terra da corrupção e de grande produção agrícola... Produtos hortifrutigranjeiros, então, nem se fala! Mas o forte é a corrupção!

A nossa capital, Brasília, é uma bela e planejada cidade , cheia de "feijões" podres e representa a fonte maior da corrupção. Neste país, só se fala em corrupção. Caramba ! Vamos tentar mudar de assunto?

Falar de legumes e verduras, por exemplo... Um "nobre" deputado, grande produtor de corrupção, digo, de legumes, ele que só fala "abobrinhas ", resolveu superfaturar a safra... Desviou o dinheiro do financiamento e prometeu "repo-lho" antes do vencimento!

Foi a maior la "vagem" de dinheiro! Até sua esposa participou... ela, que era uma "cenoura" de respeito. Era!

Na capital da corrupção, bem na zona do "agrião", na maior quitanda do mundo, estava assim de "pepino". E o povo perguntava: - O que "couve" aqui? A resposta era uma só: - A cidade " f ervilha" de corruptos. É um " inhame" só!

Eles abusam do direito de serem desonestos e mandam o povo plantar "batatas", quando não às "favas". Dançam forró, "maxixe" e "salsa", zombando da população que não enxerga ! Ela esta "acelga". As mulheres até perderam a fé, deixaram de ir à igreja... se tornaram "escarolas".

Pelo menos uma coisa boa existe na capital da bandalheira, a primeira-dama, ela é um "chuchu"! E o povo está acostumado a levar o "nabo". Até quando?

Nosso bom Deus já deve estar cansado de escutar o clamor do povo. E aqueles corruptos entregaram a alma ao "quiabo"! O brasileiro sente o do descaso do governo, a roubalheira toda e seu dissabor é amargo que nem "jiló". Tá cansado de levar a "mandioca", coitado!

Na feira livre ou no supermercado é que se vê a falta de grana da população. Na banca de verduras, muitas pessoas só sentem o "cheiro-verde" delas, comprar, nada! Num tá "alface" para ninguém!

Muita gente espera a xepa para pegar alguma coisa. Aí o feirante diz ao pobre freguês: - Espero que "tumate" a fome! E a corrupção correndo solta!

Povo brasileiro, vamos acordar e parar de levar o "rabanete". "Raiz forte" nessa corja de ladrões! "Pimenta" neles! Vamos imitar o Popeye, comer muito "espinafre" e arrebentar com a cara deles!

Viva o "milho verde", que tem as cores do Brasil no nome e na sua cor amarela! Mas, infelizmente, para nós, só tá sobrando o sabugo! Acorda, Brasil!





publicidade
Projeto Cidade Promoções e Eventos
(SF) © Copyright 2017 Jornal da Cidade - Todos os direitos reservados - Atendimento (14) 3104-3104 - Bauru/SP