Bauru e grande região

 
Eleições 2020 - Cobertura Multimídia

Cap. Augusto e Tobias conclamam eleitores e declaram voto em Raul

Deputado federal e o ex-deputado estadual demonstram preocupação com índice de abstenção da população nas urnas

por Thiago Navarro

20/11/2020 - 05h00

Samantha Ciuffa

Ex-deputado Pedro Tobias e deputado federal Capitão Augusto

O deputado federal Capitão Augusto (PL) e o ex-deputado estadual Pedro Tobias (PSDB) demonstram preocupação com a falta de participação de uma parte considerável do eleitorado neste ano - no primeiro turno, entre abstenções, votos nulos e brancos, 40% dos eleitores não escolheu nenhum candidato a prefeito. Ontem, eles disseram que vão votar em Raul Gonçalves Paula.

Para eles, é importante que a população compareça em maior número no 2º turno. "São dois candidatos agora e um deles vai comandar Bauru nos próximos 4 anos, então, é importante que o eleitor não se abstenha e escolha alguém", frisa Augusto. "A população deve participar do processo eleitoral e colaborar na escolha de quem vai ocupar o cargo de prefeito", afirma Tobias.

Capitão Augusto e Pedro Tobias declaram votos no candidato Raul Gonçalves Paula (DEM), que disputa o segundo turno com Suéllen Rosim (Patriota). "Eu conheço a pessoa do Raul, a família, sua trajetória profissional, onde é bem sucedido. Ele tem bons projetos para Bauru, considero que é a melhor opção para o município", frisa o deputado federal.

"Tenho amizade com o Raul. Na prefeitura, temos que eleger alguém que conhece, não dá para Bauru ficar no amadorismo. O Raul terá um acesso ao Estado, é do partido do vice-governador, e ao governo federal, através do Capitão Augusto, que é bem relacionado com os ministros", destaca o ex-deputado estadual por Bauru.

POSICIONAMENTO

Capitão Augusto e Pedro Tobias deram apoio a Clodoaldo Gazzetta (PSDB) no primeiro turno. Os dois ressaltam que mantiveram a lealdade ao atual prefeito - Augusto era parceiro desde o começo do mandato e Tobias é do PSDB, legenda de Gazzetta. Eles citam que não participarão diretamente da campanha de Raul, mas consideram que é necessário o posicionamento no segundo turno.

Ler matéria completa