Bauru e grande região

 
Eleições 2020 - Cobertura Multimídia

Candidatos fazem debate propositivo em Bauru

No evento do JC, TV Unesp e TV Câmara, ontem à noite, Suéllen e Raul evitaram agressões, com assuntos diversificados

por Thiago Navarro

27/11/2020 - 05h00

Aceituno Jr

Mediador João Jabbour e candidatos Suéllen Rosim e Raul Gonçalves Paula, na TV Unesp

Os candidatos Suéllen Rosim (Patriota) e Raul Gonçalves Paula (DEM) amenizaram o clima de confronto e fizeram um debate mais focado em propostas na noite de ontem, na TV Unesp, em parceria com o Jornal da Cidade e TV Câmara. Diferentemente do que ocorreu na quarta-feira (25), em que os dois debateram propostas, mas trocaram muitas farpas e acusações no debate, desta vez o encontro praticamente não teve provocações. Assuntos estruturais do município foram comentados.

TEMAS

O primeiro tema a ser tratado foi a saúde. Raul comentou que vai criar um centro de especialidades para desafogar a fila de espera em Bauru, com credenciamento para receber verba do Ministério da Saúde e cobrar do Estado o aumento dos leitos de UTI. Suéllen destacou que vai buscar mais resolutividade na rede básica, além de fazer cobrança ao Estado para aumentar a oferta de leitos.

Já na Educação Suéllen apontou como prioridade a manutenção das escolas municipais, especialmente para o período de retomada das aulas após a pandemia. Raul também prometeu dar uma integração mais ajustada entre a pasta e a Secretaria de Obras para a manutenção dos espaços, até para cumprir uma lei da vereadora Chiara Ranieri (DEM), aprovada no ano passado.

Na geração de emprego e renda, Raul falou em dar incentivos fiscais para as empresas, criar uma incubadora de empresas para fomentar os microempreendedores e incentivar as startups para os jovens, além de melhorar a estrutura dos distritos industriais atuais e criar o Distrito Industrial V.

Já Suéllen afirmou que vai desburocratizar a prefeitura para atrair novas empresas e reduzir impostos. Também falou em promover a revitalização do Centro e dar mais estrutura aos distritos industriais atuais. O último tema foi estrutura urbana. Os dois candidatos prometeram buscar recursos para levar o asfalto até as regiões onde ainda não há pavimentação e para o recape de vias.

ETE

No segundo bloco, Suéllen e Raul falaram sobre a conclusão da ETE, após questionamento do JC. Suéllen afirmou que vai até a empresa que realiza a obra, para viabilizar a conclusão, e ainda evitar que problemas parecidos ocorram em outras obras. Sobre o uso dos recursos que sobrarem do Fundo de Tratamento de Esgoto (FTE) - o que pode ficar acima de R$ 120 milhões - ela comentou que colocará em discussão com a sociedade.

Raul também disse que vai até a empresa que faz a obra e, se a mesma não apresentar condições, refazer o planejamento. Após a conclusão, ele defende uma Parceria Público Privada (PPP) para a ETE. Em relação ao FTE, Raul afirma que fará um plebiscito para a população decidir sobre o uso, com a indicação que a prioridade deve ser obras em abastecimento de água.

Ainda no mesmo bloco, eles comentaram sobre o Fundo de Desenvolvimento Esportivo. Os dois disseram que vão buscar maneiras de melhorar a verba para o esporte, e também sobre a necessidade de manutenção dos estádios distritais e incentivo para as entidades. Na concessão do lixo, os candidatos defenderam uma melhor avaliação do estudo que está em andamento pelo atual governo municipal.

Outros temas abordados foram o equilíbrio entre leis ambientais e o desenvolvimento - Suéllen e Raul prometeram encontrar o equilíbrio nestas áreas, a recuperação do Rio Batalha para evitar novos problemas no abastecimento de água e a perfuração de poços. Os concorrentes citaram ainda que vão ter cuidado com a Funprev e analisar o atual Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS). Ainda na administração pública, Suéllen e Raul disseram que vão dar transparência aos processos de compras e licitações da prefeitura de Bauru.

Habitação e transporte

No bloco destinado a temas livres, uma das perguntas entre eles foi sobre habitação. Suéllen disse que vai priorizar a regularização de áreas e Raul pretende levantar recursos com o Estado para que a população adquira suas casas. No transporte, os dois falaram sobre a necessidade de determinar o cumprimento do contrato das empresas do transporte coletivo, com mais linhas. Já na promoção de ações inclusivas, Raul afirmou que vai dar atenção a mulheres, negros e LGBTs, enquanto Suéllen também prometeu ter ações voltadas para estes segmentos.

Ler matéria completa