Bauru e grande região

 
Eleições 2020 - Cobertura Multimídia

Eleitor que for usar e-título precisa baixar aplicativo no celular até hoje

A Justiça Eleitoral só vai permitir o uso no domingo, para evitar lentidão, portanto, download tem que ser feito antes

por Thiago Navarro

28/11/2020 - 05h00

Divulgação

O aplicativo e-título

O eleitor que for usar o e-título neste domingo (29) precisa baixar o aplicativo até este sábado (28). A determinação é do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pois houve sobrecarga no sistema no primeiro turno das eleições, no último dia 15, uma vez que a justificativa pode ser feita pelo aplicativo.

Além da justificativa, o e-título serve como documento para votar, para os eleitores que já realizaram a biometria. O aplicativo pode ser baixado pelo Google Play e App Store, até as 23h59 deste sábado, de acordo com o TSE. Em todo o País, estão cadastrados mais de 16 milhões de eleitores na plataforma.

JUSTIFICATIVA

Os eleitores que estiverem fora de seu domicílio eleitoral no dia da votação podem usar o e-título para justificar a ausência. Se isso não for possível e a pessoa estiver em algum município onde também haverá segundo turno, é possível fazer a justificativa em uma das seções eleitorais. Caso esteja em um município em que não há segundo turno, a justificativa deve ser feita até 60 dias depois do pleito em um cartório eleitoral.

Em todo o País, a realização do segundo turno ocorrerá em 57 municípios - um deles é Bauru, em que concorrem os candidatos Suéllen Rosim (Patriota) e Raul Gonçalves Paula (DEM). Nos demais, o pleito já foi decidido em primeiro turno.

O segundo turno só acontece em municípios com mais de 200 mil eleitores e se nestes nenhum candidato teve pelo menos 50% mais um dos votos válidos. 

Preparado

Os cartórios eleitorais de Bauru já fizeram a preparação e lacração de urnas nesta semana, com a montagem das seções ocorrendo até este sábado. No domingo, as seções funcionarão das 7h às 17h, com as três primeiras horas - das 7h às 10h - preferenciais para idosos. O eleitor só poderá entrar nos locais de votação usando máscara e deve levar um documento oficial com foto. Assim como no primeiro turno, será disponibilizado álcool gel nas seções eleitorais.

A apuração dos resultados começa após o encerramento da votação e a perspectiva é que os resultados estejam disponíveis após às 19h. No primeiro turno, os dados só saíram depois das 22h. Desta vez, o TSE estima que seja possível a liberação dos resultados de maneira mais ágil, até porque o pleito é apenas para prefeito e o número de municípios é menor.

Ler matéria completa