Bauru

08/05/2022 - 05h00

"Não se pode negar que existe a culpa causada pelo remanejamento de tempo que será necessário ao iniciar um empreendimento, mudando nossa rotina e diminuindo o tempo que teremos com nossa família. Mas com foco e uma agenda bem feita, é possível conciliar isso e passar por cima desse sentimento", explica Tatiana Fanti.

Essa programação de tarefas é de extrema importância e deve ser idealizada e seguida de acordo com o estabelecido pelas próprias empreendedoras. "Escreva tudo o que você precisa dar conta, seja maternidade, trabalho, estudos, família - além de um tempo para si, estabelecendo os horários de acordo com suas obrigações. Você tem sete dias para realizar todos os seus deveres e encaixá-los em seu cronograma. Com os espaços que sobrarem, você pode adicionar tarefas que vão auxiliar no seu negócio, na sua casa ou até mesmo em atividades de lazer em família ou simplesmente usar o espaço que sobrar para o seu descanso", revela a empresária.

Ao iniciar um empreendimento, muitas mães sentem insegurança com os possíveis erros que irão cometer, mas a CEO da Prima Donna tranquiliza essas empresárias. "Erros são sinais de movimento, de que você está fazendo alguma coisa para te tirar da zona de conforto e alcançar seus objetivos. É o erro que vai fazer com que a gente aprenda e evolua. Erre, analise o mais rápido possível e faça diferente na próxima situação, alcançando novos resultados que irão alavancar ainda mais seu empreendimento", finaliza.

Ler matéria completa

×