Bauru e grande região

Bairros

Adutora que abastece 140 mil é consertada em Bauru

Segundo a autarquia, solução definitiva só deverá ocorrer dentro de 60 dias

07/03/2019 - 07h00

Divulgação
Serviço, que foi realizado por uma empresa especializada, durou cerca de 12 horas e produção de água ficou paralisada

O abastecimento de água para cerca de 140 mil pessoas em Bauru foi normalizado na noite dessa quarta-feira (7), segundo o DAE. A autarquia concluiu no final da terça os reparos da adutora que conduz água bruta da Lagoa de Captação do Batalha até a ETA. Ainda de acordo com o DAE, a solução definitiva para evitar outros problemas deve vir só dentro de 60 dias.

Conforme o JC noticiou, o trecho dessa adutora de fibra de vidro que passa dentro do Centro de Manutenção da autarquia apresentou vazamentos e os técnicos descobriram que a causa foi uma fissura na tubulação, bem próxima ao ponto que passou por manutenção em dezembro passado.

Durante a execução do serviço realizado por empresa especializada, que durou cerca de 12 horas, a produção de água ficou paralisada. "Este é o segundo rompimento deste mesmo trecho de adutora em três meses, devido ao desgaste natural da tubulação. O DAE já concluiu a licitação para a compra dos anéis de vedação que serão utilizados nos tubos de ferro já existentes e que irão substituir a adutora de fibra de vidro do sistema Batalha/ETA, resolvendo de forma definitiva o problema. A previsão para execução desse serviço é de aproximadamente 60 dias", conclui a autarquia, em nota.