Bauru e grande região

Bairros

Vereador pede por terceira pista

Miltinho Sardin (PTB) formalizou requerimento para abertura de nova faixa na avenida Comendador José da Silva Martha; prefeitura implantará ciclovia

por Ana Beatriz Garcia e Thiago Navarro

01/09/2019 - 06h00

Aceituno Jr

Vista da avenida Comendador José da Silva Martha com movimento maior no sentido Centro-bairro

Pensando na melhoria do trânsito nesta região da cidade, o vereador Miltinho Sardin (PTB) enviou um ofício à Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano e Rural de Bauru (Emdurb) solicitando o estreitamento do canteiro central da avenida Comendador José da Silva Martha, entre as quadras 10 e 41. Por outro lado, prefeitura prevê ciclovia.

Para o parlamentar, a prefeitura deve diminuir, em ambos os lados, o canteiro de aproximadamente três metros para abrir a terceira faixa nos dois sentidos da avenida. "Essa região está crescendo bastante, e o estreitamento para abertura de terceira faixa ajudaria bastante a desafogar o trânsito, e aproveitar o canteiro que ficar para uma ciclovia", diz.

Ele ainda sugere a possibilidade da prefeitura colocar a obra como contrapartida para os empreendimentos que estão saindo na região. "Mas antes precisa ter um estudo de viabilidade, até porque não é algo caro a princípio. É fazer o estreitamento, jogar a camada asfáltica e sinalização", frisa.

Esta não é primeira vez que ele aborda o assunto. O primeiro requerimento do parlamentar foi feito em maio deste ano, já este novo pedido foi formalizado no último dia 26.

CICLOVIA

No entanto, segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, é prevista outra destinação ao canteiro central. "Está prevista para a segunda quinzena de setembro a implantação de uma ciclovia no canteiro central na Avenida Comendador José da Silva Martha, no trecho compreendido entre a Estação de Tratamento de Água (ETA) e a Praça Portugal. O Serviço será realizado em conjunto entre as Secretaria de Obras e Administrações Regionais", diz o texto.

Francine Bighetti, de 44 anos, que mora há 10 anos em uma rua perpendicular à avenida, no Jardim Estoril diz que se preocupa com o espaço da via. "Qualquer saída que eu faça pra a cidade, eu tenho que passar pela avenida. Temos sempre um fluxo intenso por aqui e é uma 'briga de foice' pra ver quem entra. A gente tem a ciclofaixa como uma opção para quem não usa carro, mas as pessoas não respeitam muito e eu ainda acho perigoso. Já vi acidente entre carro e ciclista aqui na avenida", conclui.

ACIDENTES

Segundo levantamento da Emdurb a pedido da reportagem, o ano de 2018 registrou 73 acidentes na avenida Comendador José da Silva Martha. Até a última semana de 2019, foram registrados 53 acidentes sendo o quarteirão 3, em ambos os anos, o com maior número de ocorrências seguido dos quarteirões 2 e 1. Em 2018, totalizando 9 acidentes no local e 7 até a última semana de agosto de 2019.

Outro ponto

O vereador Miltinho Sardin (PTB) ainda pediu um estudo da Emdurb para a criação de um terceira faixa nos dois sentidos da avenida Rodrigues Alves entre as quadras 1 a 13, no Centro. A proposta, contudo, já foi negada pela empresa municipal, e com isso Sardin pedirá um estudo para a Assenag. "Nos deram uma resposta muito rápida de que é inviável, então estou pedindo um estudo para a Assenag, pois entendo que a Rodrigues Alves poderia ter mais espaço", afirma. Pela proposta do vereador, as calçadas seriam reduzidas para viabilizar uma faixa a mais.

Viaduto não autorizado

Aceituno Jr

Vista da avenida Comendador José da Silva Martha com movimento maior no sentido Centro-bairro

Pensando na melhoria do trânsito nesta região da cidade, o vereador Miltinho Sardin (PTB) enviou um ofício à Empresa Municipal de Desenvolvimento Urbano e Rural de Bauru (Emdurb) solicitando o estreitamento do canteiro central da avenida Comendador José da Silva Martha, entre as quadras 10 e 41. Por outro lado, prefeitura prevê ciclovia.

Para o parlamentar, a prefeitura deve diminuir, em ambos os lados, o canteiro de aproximadamente três metros para abrir a terceira faixa nos dois sentidos da avenida. "Essa região está crescendo bastante, e o estreitamento para abertura de terceira faixa ajudaria bastante a desafogar o trânsito, e aproveitar o canteiro que ficar para uma ciclovia", diz.

Ele ainda sugere a possibilidade de a prefeitura colocar a obra como contrapartida para os empreendimentos que estão saindo na região. "Mas antes precisa ter um estudo de viabilidade, até porque não é algo caro, a princípio. É fazer o estreitamento, jogar a camada asfáltica e sinalização."

Esta não é primeira vez que ele aborda o assunto. O primeiro requerimento do parlamentar foi feito em maio deste ano, já este novo pedido foi formalizado no último dia 26.

CICLOVIA

No entanto, segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, é prevista outra destinação ao canteiro central. "Está prevista para a segunda quinzena de setembro a implantação de uma ciclovia no canteiro central na Avenida Comendador José da Silva Martha, no trecho compreendido entre a Estação de Tratamento de Água (ETA) e a Praça Portugal. O Serviço será realizado em conjunto entre as Secretaria de Obras e Administrações Regionais", diz o texto.

Francine Bighetti, de 44 anos, que mora há 10 anos em uma rua perpendicular à avenida, no Jardim Estoril diz que se preocupa com o espaço da via. "Qualquer saída que eu faça pra a cidade, eu tenho que passar pela avenida. Temos sempre um fluxo intenso por aqui e é uma 'briga de foice' pra ver quem entra. A gente tem a ciclofaixa como uma opção para quem não usa carro, mas as pessoas não respeitam muito e eu ainda acho perigoso. Já vi acidente entre carro e ciclista aqui na avenida", conclui.

ACIDENTES

Segundo levantamento da Emdurb a pedido da reportagem, o ano de 2018 registrou 73 acidentes na avenida Comendador José da Silva Martha. Até a última semana de 2019, foram registrados 53 acidentes sendo o quarteirão 3, em ambos os anos, o com maior número de ocorrências seguido dos quarteirões 2 e 1. Em 2018, totalizando 9 acidentes no local e 7 até a última semana de agosto de 2019.

Ler matéria completa