Bauru e grande região

Bairros

Novas atribuições após quase 80 anos

Criada em 1942, a unidade terá reformulações no atendimento a inativos e pensionistas, no Fundo de Saúde do Exército e no serviço de fiscalização de produtos controlados

por Ana Beatriz Garcia

05/01/2020 - 06h00

6.ª CSM/Divulgação

Fachada da 6.ª Circunscrição de Serviço Militar em 1985; unidade se aproxima de seus 80 anos de funcionamento na cidade

Localizada na quadra 3 da rua Bandeirantes, no Centro de Bauru, a unidade do Exército que, hoje, atua como 6ª Circunscrição de Serviço Militar foi criada em 8 de janeiro de 1942, como 6ª Circunscrição de Recrutamento, por meio do decreto de número 8.522. Após quase 80 anos, a alteração para Base de Apoio Regional oficializará novas atribuições para a unidade.

A Circunscrição de Serviço Militar tem como missão cuidar apenas do serviço militar, mas já desempenhava outras funções para a comunidade, que serão aprimoradas. São elas assistir a família militar provendo apoio à saúde; controlar a apresentação e pagamento dos militares da reserva, inativos e pensionistas; e fiscalizar os Produtos Controlados de pessoas físicas e jurídicas. Este último funciona para quem deseja ter a sua arma e munição.

"Tem muita gente em Bauru e região que nos procura para isso, além de empresas que precisam do registro. Tornando-se Base, Bauru será a cidade que dará esse apoio para esse pessoal", explica o coronel Marcelo Piaya de Camargo. "Também teremos o aperfeiçoamento no atendimento do Fundo de Saúde, que interage com as unidades de saúde da região e no atendimento a inativos e pensionistas", diz.

O coronel ainda destaca que, ainda, neste primeiro momento, os serviços contarão com as 78 pessoas que servem no quartel. "Mas, com o aumento da demanda, pode ser que venha a aumentar o nosso contingente", completa.

INTERAÇÃO

Com isso, a comunidade também poderá estar mais próxima da unidade. "Hoje, as pessoas estão presentes conosco em datas especiais como formaturas e dia da bandeira. Também recebemos visitas das escolas e fazemos palestras em algumas oportunidades", comenta coronel Pitaya.

Além disso, a unidade recebe apoio para capacitação de seus combatentes com o intuito de que possam colaborar com a comunidade. "Um grande parceiro que temos é o Senai, junto ao programa do Exército que chama 'Soldado Cidadão'. Para que eles não fiquem só restritos à vida militar, o Senai abriu diversos cursos e convidou nossos soldados para participarem. Assim, nós já estamos capacitando-os para que, quando forem embora, possam contribuir com o mercado de trabalho", conclui.

Um pouco de história

Malavolta Jr.

Coronel Marcelo Piaya de Camargo mostra página do Bauru Ilustrado, do JC, que conta sobre a inauguração da 6.ª CSM; texto está fixado no escritório da unidade

Desde o princípio, o objetivo da 6ª Circunscrição de Serviço Militar (CSM) é coordenar as atividades de Serviço Militar no Noroeste do Estado de São Paulo em prol da segurança do Brasil.

A sede em Bauru foi criada pelo decreto número 8522, de 8 de janeiro de 1942, assinado por Getúlio Vargas. Já a inauguração foi em 19 de abril de 1942. O coronel Cyro Vidal foi o primeiro chefe.

Foi no ano de 1966 que a unidade passou a se chamar 6ª Circunscrição de Serviço Militar - como é conhecida até hoje - por um decreto do então Presidente da República H. Castello Branco (Decreto Nº 58.210, de 18 de abril de 1966). Em 2020, a unidade passará a ser uma Base de Apoio Regional.

Ler matéria completa