Bauru e grande região

Bairros

Local abrigou o último cinema tradicional de rua da cidade

O Cine Bauru encerrou suas atividades em 2008, após fazer sucesso por três décadas no endereço

por Ana Beatriz Garcia

26/01/2020 - 06h00

Eder Azevedo/JC Imagens

Fachada do Cine Bauru, na quadra 7 da rua Treze de Maio

Durante as décadas de 1980 e 1990, alguns títulos "bombavam" nas telas e agitavam o período de auge do Cine Bauru. Agora, restam as lembranças das sessões que eram exibidas na rua 13 de Maio com a Cussy Junior, endereço do cinema inaugurado em 22 de novembro de 1980. "O Cine Bauru, logo nas suas primeiras exibições, já mostrou que seria um sucesso", afirma Paulo Henrique Leite Pereira - mais conhecido como PH -, membro do Cineclube de Bauru de 1978 a 2014. Ele também conta que, antes dessa inauguração, o primeiro Cine Bauru foi inaugurado em 1938. Este era um dos maiores e mais modernos do Interior de São Paulo e tinha capacidade para 1.600 pessoas. Na época, as salas ficavam na quadra 7 da rua 1º de Agosto.

"Pouco depois de abrir o Cine Bauru 2 - como era conhecido -, na Treze de Maio, o Chico Wincler veio de Botucatu para ser diretor do cinema. Ele fazia semanas temáticas, com filmes só de terror, só de musicais, que faziam muito sucesso também", relembra PH.

INESQUECÍVEL

Cinéfilo desde muito jovem, quando já frequentava cinemas antigos da cidade, PH conta que trabalhou em todas as funções possíveis no Cine Bauru e estava sempre por lá. "Lembro que, em 1982, o Chico e o Ivonir Rodrigues Aires tiveram a ideia de trazer o filme Mad Max 2, que ainda não tinha sido lançado, para passar aqui em Bauru, uma semana antes do lançamento. Seria uma sessão da meia-noite, mas tinham 5.500 pessoas na frente do cinema. Tiveram sessões de hora em hora, da meia-noite até às 5h. Foi inesquecível", diz.

FESTIVAL

O local ainda foi palco de um festival de cinema que marcou, para o apaixonado por filmes. "Na época, trabalhava no Banco da Brasil e fiz a ponte para que, na comemoração dos 25 anos do banco, o Cine Bauru fizesse um evento especial. Foi assim que houve o Festival de Cinema, com quatro filmes exibidos durante um mês"

Para tristeza de PH e de muitos outras pessoas que frequentavam o cinema, em 2008, depois de 60 anos de história (desde o primeiro cinema na Primeiro de Agosto), o Cine Bauru encerrou suas atividades. Os filmes que estavam em cartaz na última semana eram "Os Porralokinhas", "Xuxa em Sonho de Menina", "Hitman - Assassino 47" e "Encantada". "Pensávamos que não haveria mais cinema em Bauru. Hoje, temos vários. Só na semana passada fui ao cinema cinco vezes", finaliza.

Ler matéria completa