Bauru e grande região

Ciências

Observatório

Comunique-se Email: [email protected]

18/01/2020 - 06h00

Cigarros convencionais e eletrônicos, tabaco sem fumaça, narguilé, álcool e HPV atuam na boca cada vez mais cedo, incluindo crianças e adolescentes. Câncer é o somatório de alterações genéticas e quanto mais cedo elas começarem, mais precocemente as células atingem o estado de neoplasia maligna, incluindo os mais jovens.

Muitas pessoas perguntam quando o câncer de pele se iniciou? A resposta mais verdadeira inclui desde os primeiros raios de sol que tomastes na vida! Da mesma forma, se pergunta, com frequência, quando se iniciou aquele câncer na boca ou na orofaringe?

E a resposta inclui:

1. Os primeiros alimentos processados e industrializados, pelos produtos incluídos nas carnes, leites e outros alimentos como alguns hormônios, agrotóxicos, herbicidas, etc.

2. Desde os primeiros contatos da mucosa com o álcool presente em antissépticos, alguns enxaguantes, soluções de flúor e certos remédios ou suplementos.

3. Os primeiros contatos com os vírus oncogênicos como o HPV, herpesvirus e outros.

4. As primeiras respiradas com tabaco e seus derivados de forma passiva e, mais tarde, ativa.

5. Desde as pioneiras situações de estresse transcorridas, mesmo nos primeiros anos de vida!

Pacientes com câncer de pulmão querem saber se foi familiar. O câncer de pulmão não está entre os hereditários. A grande maioria dos casos está associada a fatores do meio ambiente como tabagismo e suas mais variadas formas. Mas também ao meio ambiente respirado e poluído onde se vive e trabalha. Centenas de produtos inspirados produzem alterações genéticas responsáveis pelo inicio do câncer e quanto mais cedo isto acontecer, mais cedo aparecem. Famílias inteiras são fumantes ou vivem nas condições citadas, logo muitos casos nos parentes ocorrem, mas não porque seja hereditário!

Em reflexões sobre o que produz o câncer, nunca devemos esquecer que o câncer, de um modo geral, é somatório de alterações celulares induzidas. Em um dado momento isto gera um clone celular independente e de comportamento agressivo dentro do corpo. O somatório aumenta à medida que se inicia mais cedo a ação dos cancerígenos e ou, então, quanto mais dura a vida das pessoas!

Muitos dizem que viver é correr riscos! Sim, mas podemos evitar ou diminuir estes riscos, pois muitos são desnecessários e nem prazerosos são! Também é verdade que seguir certos cuidados de forma explícita, pode levar você a ser chamado de neurótico, compulsivo, maluco e outros adjetivos. E todas as alterações e doenças que você adquirir, os mais próximos dirão: - olha aí, toma tanto cuidado e pegou gripe! Ou mesmo quando se tem câncer e a pessoa era cuidadosa, jogam esta frase na cara dos conscientes e cuidadosos.

"VAPERS" E EVALI

"Vapers" são os usuários dos cigarros eletrônicos muito agressivos ao corpo como também são o tabaco e seus derivados, de acordo com as agências e pesquisas que tratam do assunto no mundo. E do mesmo modo são carcinogênicos, especialmente os eletrônicos com sabores e cores para atrair crianças e adolescentes! Ele já matou muitas pessoas e afeta milhares de pessoas usuárias.

Antes da internação, os "vapers" têm dificuldade de respirar e dor peitoral. Quando são internados têm febre, tosse, vômito e diarreia. Em casos de populações com muitos casos de gripe, se deve ter cuidados, pois a gripe pode ser confundida com a Evali.

Em as ambas doenças, se tem falta de ar, suores noturnos, baixos níveis de oxigênio e pontos turvos na radiografia de pulmão.

POR FIM!

Em pesquisas, o vapor eletrônico desativa as células do sistema imunológico no pulmão e potencializa as inflamações. Além de nicotina, eles ainda podem conter aditivos para sabores de fruta, pois cada aditivo tem composição diferente e que não é regulamentada e que ainda muda quando aquecido. Cigarro eletrônico não é vapor de água inocente, ele é tão agressivo quanto o cigarro comum! Cuidado.

Ler matéria completa