Bauru e grande região

Cultura

Márcio ABC lança 3º livro

por Da Redação

21/08/2012 - 01h10

Está na contracapa da obra: “É um livro universal, como a boa literatura, porque traz à tona dores profundas possíveis na vida de cada um de nós, em nossos relacionamentos. Mostra a inexorabilidade do destino e a fragilidade do controle da vida e da morte. Mostra, por fim, a capacidade de superação que nos acompanha, tornando-nos sobreviventes ainda capazes de ser felizes”. A análise foi feita pela doutora em literatura e crítica literária Lúcia Facco e resume “Pater”, terceiro livro da carreira literária do jornalista Márcio ABC que será lançado hoje, em Bauru, em sessão de autógrafos no Templo Bar (rua Benjamin Constant, 1-34), a partir das 21h.

Estabelecido sobre a delicada relação entre pai e filho, cujas posturas se opõem de modo radical, o livro Pater revisita momentos da ditadura militar até desembocar nos dias decisivos que levaram ao impeachment do presidente Fernando Collor. Situado sobretudo na adolescência de Alexandre, o filho, a obra faz um comovente relato de sua formação, introduzindo-o a uma vida tensa e muitas vezes assustadora, porém rica nas experiências pessoais que o tornam uma espécie de adulto antes da hora. Ao enfrentar dúvidas terríveis sobre o passado do pai, ele alimenta o drama da incomunicabilidade gerado pela postura incompreensível do coronel na relação entre os dois.

O romance, entretanto, não se restringe ao casulo onde seus protagonistas se fecham para viver um embate mudo e desconcertante. Em meio às transformações políticas provocadas pelo início do governo civil depois de duas décadas de ditadura militar, desabrocham as dúvidas, as incertezas e, logo, as desconfianças que sobrevêm à esperança depositada no novo regime.

O passado misterioso do pai, o coronel Santiago Neto, expõe de modo efetivo uma ferida constantemente aberta na vida política do país. Mas é seu terrível drama particular, a cuja origem ele só tem acesso no fim do romance, que desencadeia os acontecimentos responsáveis pela criação de uma metáfora a respeito de nossa história sócio-política: sem uma consciência clara sobre os dias que fundaram sua existência, o coronel parece se encontrar preso a uma eterna crise pessoal que o faz percorrer a encosta de um abismo ameaçador, sempre pronto a tragá-lo junto com o filho. A distribuição, segundo a Giz Editorial, editora que publica o romance, já foi iniciada para livrarias de todo o Brasil, incluindo lojas na Internet.

O autor

Márcio ABC nasceu em 1964, em Lagoa Seca, bairro rural do município de Cafelândia. Formou-se jornalista em Bauru, onde mora, no ano de 1986 e, a partir daí, trabalhou em todos os gêneros da profissão, passando por jornal, rádio, televisão, revista e Internet. Pater é seu terceiro romance. Os anteriores são Parabala (2002) e Desrumo (2010). Contatos com o autor podem ser feitos pelo e-mail  [email protected] ou telefone (14) 9651-4126.