Bauru e grande região

Cultura

Mais uma polêmica em nomeação cultural

por FolhaPress

03/12/2019 - 06h00

Divulgação/Site pessoal

Maestro Dante Mantovani

Não bastasse o fato de militantes do movimento negro fazerem um protesto na Fundação Palmares, em reação à indicação de seu novo presidente, Sérgio Nascimento de Camargo, agora a nomeação do maestro Dante Mantovani, anunciado nesta terça-feira (02) como o novo presidente da Funarte (Fundação Nacional de Artes), está repercutindo nas redes sociais. E não exatamente por causa do seu currículo. O maestro é autor de livros sobre música clássica, tem programa de rádio, dá curso na internet e é também youtuber.

Onde está o x da questão

O problema é que no canal que  (com cerca de 6.000 inscritos) ele compartilha reflexões e teorias da conspiração sobre política e arte, muitas delas contra o rock. Os vídeos ainda estão no ar, apesar de ele ter apagado seus perfis em redes sociais. "O rock ativa a droga que ativa o sexo que ativa a indústria do aborto. E a indústria do aborto alimenta uma coisa muito mais pesada, que é o satanismo", conjectura.

Ler matéria completa