Bauru e grande região

Cultura

Já pode ouvir, mas não foi num piscar

Fruto de trabalho com evolução autoral a partir de 2014, "Olhos que Molham" será lançado hoje por Lucali e Sinuhe LP

06/12/2019 - 04h20

Marina Kodato

Em busca da harmonia perfeita: Lucali e Sinuhe LP, "marinheiros" num "oceano" de criação

De Bauru para... sabe-se lá onde a criação pode chegar. Nasce para ir além de horizontes já concebidos: é o voo do álbum de estreia dos amigos Lucali e Sinuhe LP. A dupla de Bauru gravou o trabalho, batizado de "Olhos que Molham", em janeiro de 2019.

Tudo transcorreu com naturalidade no estúdio Gargolândia, em Alambari (SP), com produção musical de Pedro Alterio (do grupo 5 a Seco). Hoje, 6/12, o disco estará disponível em todas as plataformas digitais. Há, segundo os compositores, previsão de estreia nos palcos a partir de fevereiro de 2020.

Todo o projeto, segundo destacam Lucali e Sinuhe LP, nasceu "despretensiosamente". Tiveram as primeiras conversas na segunda metade de 2014.

Em 2015, a primeira canção, "Partilha", surgiu, fruto da parceria direta dos "cantautores". Vieram, então, "Outros Mesmos Sonhos" e "Read Me" - e  uma temporada de shows no Espaço Protótipo em projeto nomeado como "Dikhotômico".

Meta: construir uma música do século XXI com as raízes da boa MPB embalada por novos caminhos de forma e conteúdo para o cancioneiro brasileiro.

E Lucali enxergava numa inspirada geração paulistana uma fonte e tanto: como 5 a Seco, Passo Torto, O Terno, Criolo. E foi com um dos integrantes do grupo de compositores chamado 5 a Seco que o álbum ganhou vida. Justamente com o produtor musical Pedro Alterio, peça-chave para resolver o quebra-cabeça do disco, hoje, uma realidade a olhos vistos.

SERVIÇO

Redes de contato: acesse http://www.instagram.com/olhosquemolhamhttp://www.facebook.com/olhosquemolhamhttp://www.instagram.com/osinuhehttp://www.instagram.com/thiagolucali

Ler matéria completa