Bauru e grande região

 
Cultura

Música #EmCasaComSesc traz Sandra de Sá nesta terça

Amanhã, será a vez de Lô Borges percorrer sucessos de sua longa jornada musical

30/06/2020 - 04h50

Divulgação/Globo

Sandra de Sá celebra 40 anos de carreira com canções clássicas

Nesta terça-feira (30), a cantora carioca Sandra de Sá traz todo o seu gingado com uma apresentação inédita no #EmCasaComSesc. Direto do Rio, Sandra de Sá, que acumula 19 discos e comemora 40 anos de carreira, apresenta canções que são clássicas em sua voz, como "Olhos Coloridos" (Osvaldo Costa), "Eu quero é botar meu bloco na rua" (Sérgio Sampaio), "Flor de Lis" (Djavan) e "Madalena" (Ivan Lins / Ronaldo Souza).

Mas a semana de lives do #EmCasaComSesc tem muitas surpresas boas. Nesta quarta (1), o músico, cantor e compositor Lô Borges percorre os sucessos de sua longa estrada musical no show "Paisagem da Janela". Com seus característicos voz e violão, ele relembra músicas como "Clube da Esquina n. 2", "Paisagem da Janela", "O trem azul", "Tudo que você podia ser", "Para Lennon e McCartney" e "Um girassol da cor dos seus cabelos", além de canções mais recentes, como "Dois rios" e "Quem sabe isso quer dizer amor", acompanhados de surpresas trazidas da imersão criativa do artista nos últimos anos. Membro do importante movimento artístico Clube da Esquina e parceiro de grandes nomes da música brasileira, como Milton Nascimento, Beto Guedes, Nando Reis e Fernando Brandt, Lô atravessou gerações como uma grande referência do cancioneiro nacional.

E quinta-feira (2), o cantor e compositor sergipano Lula Ribeiro apresenta seu repertório autoral com foco em seu último disco, O Amor É Sempre Assim. Parcerias com grandes músicos, como Zeca Baleiro, Vander Lee e Alexandre Nero estarão no repertório, além de homenagens a compositores já gravados pelo cantor, como Luiz Melodia, Dorival Caymmi, Caetano Veloso e Paulinho Moska. Pensado para ser uma celebração musical junto ao público em casa, o show de Lula Ribeiro traz ainda músicas de discos anteriores, como "Mercê de você", "Te amo Aracaju" e "Congênito".

Outros nomes

Desde o dia 19 de abril, o Sesc São Paulo oferece um show diferente por dia, todos os dias, às 19h, ao vivo e direto da casa do artista. A programação foi pensada para quem aprecia a boa música brasileira, em tempos de isolamento social por conta do novo coronavírus e que levou ao fechamento das unidades em todo o Estado. Além das lives destas terça e quarta, na quinta (2), sobe ao palco Lula Ribeiro. Na sexta (3), é a vez de Breno Ruiz. E no sábado (4) e domingo (5), Elza Soares, com participação de Flávio Renegado, e Sapopemba. Para conferir toda essa programação, basta acessar as páginas youtube.com/ sescsp ou o novo endereço do Sesc São Paulo no Instagram criado especialmente para a série Sesc Ao Vivo instagram.com/ sescaovivo

Ler matéria completa