Bauru

Cultura

Fábricas de Cultura promovem atividades musicais pelas redes sociais

Pelo YouTube e Instagram, programação contempla shows, conversas e oficinas

por Assessoria de Imprensa do Governo do Estado de São Paulo

10/06/2021 - 17h30

Atividades musicais integram a programação de junho das Fábricas de Cultura. O programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo e gerenciado pela Poiesis, disponibiliza shows, conversas e oficinas sobre música por meio do YouTube, Instagram e Soundcloud do equipamento. As informações são do Governo do Estado de São Paulo

Com uma estrada vinda dos anos de 1980, passando pelos tocas-discos, aparelhos CDJ e controladoras, DJ Michael Shibuya contará um pouco de sua trajetória como DJ de festas e bailes neste vídeo para as Fábricas de Cultura. Além disso, o artista oferecerá dicas importantes para quem também é amante da música eletrônica e pretende se aventurar por esse mundo de tecnologias e sonoridades sem fronteiras. O vídeo será disponibilizado no dia 12 de junho, sábado, às 18h pelo YouTube.

No vídeo disponibilizado no dia 13 de junho às 17h pelo YouTube, a história do fundador de uma das maiores comunidades de Samba do Brasil, o Samba da Vela, será apresentada. Chapinha da Vela contará um pouco de sua trajetória no samba paulistano e de como conseguiu entrar para elite dos compositores do gênero.

O MC e produtor musical David Maderit tem experiência como técnico de estúdio e está lançando o segundo disco solo, composto por 13 músicas inéditas. “Trukes Novos de um Velho MC” foi gravado em parcerias com outros artistas de maneira virtual no estúdio beat orgânico. A apresentação do disco será transmitida pelo YouTube no dia 19 de junho, das 18h às 19h.

Para amantes da música instrumental, o conceituado músico Popó Moreira oferece um pequeno show extraído da primorosa obra “Elita”, seu mais recente lançamento. Frente à lente de seu celular, Popó traduz em sons e silêncios sua guitarra, que trafega entre estilos variados e inebriantes, dos quais sua música sugere. O evento será realizado pelo YouTube, no dia 19 de junho às 19h.

O Forró é um gênero musical e uma dança brasileira, com origens no continente africano e no continente europeu. O estilo ficou popularizado no Brasil por artistas, como Luiz Gonzaga, Severino Januário e outros grandes nomes. Para nos contar um pouco dessa história e fazer aquele tradicional forró, convidamos o mestre Sanfoneiro Carlinhos Farias, que teve a oportunidade de acompanhar Luiz Gonzaga e de fundar o clássico Trio Arcoverde de Forró. A atividade será transmitida no dia 24 de junho, quinta-feira, às 19h pelo YouTube.

A oficina Gestão de direitos culturais e legalidade da carreira tem como objetivo expandir o conhecimento de artistas, produtores e agentes culturais, jovens ou experientes, sobretudo da periferia de São Paulo, em relação à sua segurança artística na música. Isso significa poder produzir e comercializar seus trabalhos de forma legalizada tendo seus direitos garantidos por lei, afinal, a arte também é geradora de renda e se faz necessário profissionalismo e segurança. Estes vão desde a criação, execução até a comercialização do seu trabalho, facilitando o caminho para quem deseja viver de sua arte e ser devidamente valorizado por todo seu processo criativo. A oficina acontecerá pelo IGTV às 19h do dia 25 de junho, sexta-feira.

Em seguida, às 20h, o pocket show lítero-musical Notícias da Próxima Década apresentará um repertório em que o autor encena seus poemas contracenando com o violão. Baseado no livro “Prece a Nossa Senhora das Barricadas e outros poemas”, escrito por Gracco, não apenas reflete a última década, mas prevê a próxima.

Em comemoração aos 40 anos de carreira do grupo, o Trio Virgulino preparou um show especial. O forró de pé de serra com os clássicos do Trio, sucessos e músicas inéditas será transmitido pelo YouTube no dia 26 de junho, sábado, às 18h.

A Fábrica de Cultura Capão Redondo, em parceria com o Projeto Musicou e a TV Doc Capão, traz em primeira mão o piloto do podcast Musicou, um canal de entrevistas onde artistas da quebrada são convidados para uma apresentação musical ao vivo e uma troca sobre as experiências pessoais com a música.

Na segunda edição, o projeto traz Lena Silva e Bixop do projeto UmSoh, com a produção musical de Quebrada Groove. Lena é fotógrafa, estudante de serviço social e cantora, morou na Itália por 10 anos, antes de engajar-se em causas sociais e artísticas. Bixop é professor do curso Inglês na quebrada junto com Coletivo Desenrola e não me Enrola, além de ser radicado nos Estados Unidos e conhecido por cantar clássicos do Rap nacional, onde aprendeu o português. Juntos, unem experiências e conhecimentos de vida à música e a cultura hip-hop, resgatando e difundindo a diáspora africana e o amor afro-centrado, além de incentivar as pessoas a aprenderem idiomas com o aporte da música. O podcast estará disponível no dia 3 de julho, sexta-feira, às 18h no Soundcloud.

Ler matéria completa