Bauru

Cultura

Paulinho Gogó ganha novo programa ao lado de Marisa Orth e Babu Santana

Após passagens pela rádio, pela Escolinha do Professor Raimundo (Globo) e pela Praça É Nossa (SBT), o malandro carioca ganhou um novo programa para chamar de seu

por FolhaPress

13/09/2021 - 13h23

Divulgação

"Central de Bicos" estreia na segunda-feira (13) no canal pago Multishow

Criado e interpretado por Maurício Manfrini há mais de duas décadas, o personagem Paulinho Gogó continua rendendo. Após passagens pela rádio, pela Escolinha do Professor Raimundo (Globo) e pela Praça É Nossa (SBT), o malandro carioca ganhou um novo programa para chamar de seu.

Na série cômica "Central de Bicos", que estreia na segunda-feira (13) no canal pago Multishow, o humorista volta a visitar seu principal personagem. A novidade é que ele chega acompanhado.

Dono do bordão "quem não tem dinheiro conta história", Paulinho Gogó sempre foi visto na TV apenas comentando seus causos, que envolviam parentes e amigos tão destrambelhados quanto ele. Agora, ele será visto vivendo as situações junto.

"O grande desafio foi trazer o personagem para interagir com outros personagens", admite Manfrini em bate-papo com a imprensa, do qual o jornal Folha de S.Paulo participou. "O público não vai mais só ouvir a história, isso as pessoas já conheciam. A gente teve a ideia de colocar junto comigo os personagens fictícios que eu contava para humanizar as minhas histórias."

Ele diz que imagina a série como uma espécie de sequência do filme "No Gogó do Paulinho" (2020), disponível no Amazon Prime Video. Porém, para fazer com que a trama rendesse vários episódios, procurou se cercar de um elenco forte para seu lado, com nomes como Marisa Orth e Babu Santana.

Orth, que foi convidada pelo diretor Silvio Guindane, diz que foi atraída pela proposta de gravar a temporada inteira em dois meses. "Todo dia é um programa inteiro, todo dia tem uma história, um cabelo, uma marca, só que são quatro programas por semana --se render", conta. "Não tem tempo nem de respirar."

Ela avalia que a experiência valeu à pena. "Agora tenho a honra de pertencer a esse universo, é como o Ursinho Pooh e sua turma, sabe? É o Paulinho Gogó e sua turma", compara.

Na trama, ela interpreta a exagerada Kellen Pescoção, meio-irmã de Paulinho. A costureira herda metade da casa onde mora, na Baixada Fluminense, enquanto o malandro fica apenas com a garagem.

A atriz lembra que, ao contrário de Manfrini, teve de encontrar a personagem. "Eu não tinha nenhuma personagem pronta ainda, foi no fórceps", brinca. "Fui muito na roupa, no figurino do Cássio Brasil. Ela é muito exagerada, jura que é chique, me apoiei nisso."

Além disso, ela diz que divide com a personagem a falta de paciência. "Eu sou sem paciência, mas a Kellen é quase um monstro", compara. "Não chego nesse ponto, mas posso ser meio brava."

No humorístico, Paulinho convence Kellen a ser sócia de um negócio, a tal central de bicos do título. Ela aceita com a condição de poder empregar o marido encostado, Manteiguinha, vivido por Babu Santana.

O ator, apesar de ser mais lembrado por personagens densos --além de pelo BBB 20--, diz que nunca se levou muito a sério e que o humor sempre esteve presente em sua vida. "Estar com Manfrini e Marisa é um sonho, eles sempre me inspiraram como ator", comemora.

"A comédia tem uma dignidade, uma técnica, um tempo... Estou com duas grandes referências", afirma. "É como jogar bola com pessoas que sabem jogar muito bem, eu só procurava não atrapalhar (risos)."

O personagem, segundo ele, foi surgindo ao longo das gravações. "Eu fiquei muito curioso querendo construir um tipo e, ao mesmo tempo, podia só ter encontrado o Paulinho porque foi ali que nasceu o Manteiguinha", diz.

"Foi uma construção em que fui muito na onda do que iam me servindo, conforme o texto vinha e as histórias que o Gogó falava do Manteiguinha", conta. "Sabe quando você boia e deixa a maré te levar?"

Manfrini, que diz que seu personagem "já está meio no automático, anda meio sozinho", diz que no começo teve dificuldade de decorar textos, porque sempre foi mais do improviso. Porém, no final de cada episódio, o personagem se senta em uma mesa de bar e conta um causo, o que o deixou muito à vontade.

Ele diz que não tem planos de aposentar Paulinho Gogó tão cedo. "Até porque é ele que está me proporcionando fazer outros personagens", lembra o humorista, que também estrela a série "Dono do Lar" no mesmo canal. "Ele vai ficar velhinho contando as histórias dele."

*

"CENTRAL DE BICOS"

Quando: Seg. a sex., às 22h30

Onde: No canal pago Multishow

Elenco: Maurício Manfrini, Marisa Orth, Babu Santana, Rosane Gofman, Gillray Coutinho, Paulo Mathias, Beto Chamego e Evaldo Macarrão, entre outros.

Ler matéria completa

×