Bauru

Cultura

TV USP Bauru recebe menção honrosa em prêmio internacional

Documentário curta-metragem sobre cotas concorreu com produções de toda a América Latina

04/12/2021 - 05h00

Divulgação

Suélen Nascimento é uma das entrevistadas no documentário curta-metragem

A TV USP Bauru, órgão de comunicação da Prefeitura do Campus da USP em Bauru, obteve importante reconhecimento internacional. O documentário curta-metragem "Reserva de vagas abre as portas ao Ensino Superior" recebeu menção honrosa na 9.ª edição do Prêmio Nuevas Miradas en la Televisón (Novos Olhares da Televisão), da Universidade Nacional de Quilmes. Trata-se da única produção brasileira agraciada no festival, que recebeu mais de 50 trabalhos de diversos países latino-americanos e também do Caribe.

A premiação, promovida pela instituição de ensino de Buenos Aires (Argentina) em parceria com a Rede de Televisão da América Latina (TAL), visa reconhecer as melhores produções audiovisuais da TV Universitária da América Latina. Do total de participantes, foram apenas três premiados e três menções honrosas.

O documentário curta-metragem da TV USP Bauru tem duração de 17 minutos. Na produção, os estudantes da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB/USP) Maicon Suel da Silva, Nathan Augusto e Suélen Nascimento contam suas trajetórias e ressaltam como a reserva de vagas foi fundamental para que, assim como outros muitos jovens, eles pudessem realizar seus sonhos de entrar e se manter em uma universidade pública.

"São histórias bastante potentes de pessoas com muito esforço e dedicação para superar os obstáculos impostos pela desigualdade e que encontraram, em uma política de inserção social da USP, uma forma de atingir seus objetivos. É um grato reconhecimento", comenta Paula Marques, produtora e coordenadora da TV USP Bauru.

Para Vitor Oshiro, jornalista da TV, obter a menção honrosa com esse tema é também uma oportunidade de reflexão. "Além de levar o nome da USP, esse reconhecimento ainda ajuda a levar a discussão desse tema, que é a reserva de vagas, para mais pessoas." Guilherme Bacciotti, editor de imagens, também ressaltou a conquista. Ele lembrou que a maior parte das imagens da produção foi captada antes do período da quarentena e as gravações complementares foram realizadas seguindo todos os protocolos de segurança.

Já José Henrique Rubo, prefeito do Campus da USP Bauru, destacou a importância do trabalho do núcleo de produção como elo entre a sociedade e a universidade. "A TV USP Bauru sempre primou pela qualidade de suas produções e atualidade dos assuntos que aborda. Essa menção honrosa internacional demonstra que, com esforço, nós conseguimos levar à população trabalhos e informações de qualidade".

Neste ano, o júri da 9.ª edição do Nuevas Miradas en la Televisón foi composto por comunicadores e produtores audiovisuais de destaque da América Latina: Silvina Hermosa (Argentina), Virginia Ines Croatto (Argentina) e Luis Felipe Hincapié Uribe (Colômbia). A premiação será no dia 14 de dezembro, às 20h (horário local), durante a cerimônia também do Prêmio Tal - Televisão Da América Latina, realizado junto a Docmontevido, na modalidade virtual.

SERVIÇO

"Reserva de vagas abre as portas ao Ensino Superior" está disponível no Youtube. Confira abaixo ou acesse: https://youtu.be/x15TN9olnLo/.

11 anos de premiações

A TV USP Bauru é um órgão de comunicação da Prefeitura do Campus da USP de Bauru. A equipe é formada por Paula Marques, Vitor Oshiro e Guilherme Bacciotti. Além da menção honrosa no festival argentino em 2021, ao longo dos 11 anos de existência, o núcleo de produção foi 18 vezes finalista no Festival Aruanda do Audiovisual Brasileiro (evento que recebe trabalhos produzidos em todo o Brasil). Desse total de indicações, a TV USP Bauru faturou sete prêmios nas categorias Melhor Programa, Melhor Reportagem e Melhor Interprograma.

Ler matéria completa

×