Bauru e grande região

Economia & Negócios

Reajuste do salário mínimo fica abaixo da inflação

Segundo o IBGE, ficou em 4,48% em 2019; com isso, valor deveria chegar a R$ 1.042

10/01/2020 - 12h16

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Paulo Guedes, Ministro da Economia

O salário mínimo de R$ 1.039 fixado pelo governo federal para este ano não repõe a inflação do ano passado. Como o mínimo de R$ 998 em 2019, o ajuste para 2020 ficou abaixo do Índice Nacional de Preços ao Mercado (INPC) de 2019, de 4,48%, divulgado nesta sexta-feira (10).

O INPC serve como base para correção do salário mínimo e é diferente do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial. Com isso, se levada em conta a variação do INPC, o salário mínimo deveria ter chegado pelo menos a R$ 1.042,70 em 2020.

Para definir o valor de R$ 1.039, o governo federal usou a previsão do mercado financeiro para o INPC em dezembro do ano passado, que estava em 0,62%. O INPC, no entanto, acabou ficando acima do previsto.

 

Ler matéria completa