Bauru e grande região

Esportes

Noroeste conquista a primeira vitória na Série A-3 do Paulista

Alvirrubro venceu o Novorizontino por 1 a 0, em estreias de atacante e técnico

por Thiago Navarro

13/03/2014 - 05h00

João Rosan

Moisés chegou com fome de gol e garantiu vitória em sua estreia

No dia em que perdeu Zeola, um dos maiores ídolos de sua história, o Noroeste finalmente conseguiu vencer a primeira partida na Série A-3 do Campeonato Paulista de 2014. Jogando na noite desta quarta-feira (12), no Estádio Alfredo de Castilho, o Alvirrubro derrotou o vice-líder Grêmio Novorizontino por 1 a 0, e voltou a sentir o sabor de uma vitória após mais de seis meses – o último triunfo fora em 7 de setembro do ano passado, sobre a Francana, na Copa Paulista.

 

Apesar do resultado positivo, o Norusca segue na lanterna da Terceirona, com seis pontos, três a menos que São Carlos, Guaçuano e Santacruzense, que completam a zona de rebaixamento. O próximo jogo será justamente contra o time de Santa Cruz do Rio Pardo, fora de casa, no domingo, às 10h.

 

Caminho aberto

 

O jogo começou com seis minutos de atraso, devido à demora para a chegada da ambulância – o que retardou a entrada do público. Um minuto de silêncio foi respeitado em memória ao ex-jogador Zeola, que faleceu ontem.

 

Quando a bola rolou, o Noroeste não se intimidou com o adversário, e quase abriu o placar com Lauro, aos 11 minutos. E se na Bíblia coube a Moisés abrir o Mar Vermelho, no Alfredão foi o estreante atacante Moisés quem abriu o caminho da vitória ao Alvirrubro aos 27 minutos: ele aproveitou sobra de bola após escanteio pela direita, dominou e chutou sem chances para Yuri: 1 a 0 Norusca.

 

No segundo tempo, o time de Novo Horizonte pressionou muito, exigindo ao menos cinco excelentes defesas do goleiro Wellington, que teve atuação destacada pelo lado do Noroeste. Lauro ainda teve chance de ampliar aos 27, quando ficou livre na entrada da área, mas chutou em cima do goleiro. No final, o Alvirrubro resistiu à pressão e conquistou três pontos preciosos na luta contra o rebaixamento.

 

Talismã

 

Na última vez em que disputou a Série A-3, em 2004, o técnico Vitor Hugo conduziu o clube nas três rodadas finais rumo ao acesso. Agora, estreia com o “pé direito” contra o descenso. “Queremos tirar o clube desta situação. A vitória de hoje (ontem) foi importante e agora temos três confrontos decisivos.”