Bauru e grande região

 
Esportes

Reabilitado

Após revés, Sesi Bauru derrota São José dos Pinhais, fora de casa, e alcança a quinta vitória na Superliga

28/11/2020 - 05h00

@viniciusoliveiralinoo

A oposta Polina (no alto) foi a maior pontuadora do Sesi no jogo

Após perder invencibilidade na Superliga 2020/21 com derrota para o Osasco, o Sesi Vôlei Bauru garantiu a reabilitação ao superar o São José dos Pinhais por 3 sets a 0, parciais de 29/27, 25/17 e 25/16, nesta sexta-feira (27), no Ginásio Ney Braga, em São José dos Pinhais (PR) e conquistar a quinta vitória no Nacional.

Com o resultado, a equipe bauruense chega aos 14 pontos e se mantém no grupo das quatro melhores classificadas. O próximo desafio do Sesi será contra o Minas, na próxima quarta-feira (2), às 21h30, em Bauru.

No primeiro set, São José dos Pinhais começou melhor e abriu quatro pontos de vantagem no 12/8. O técnico do Sesi, Rubinho, pediu tempo, o time reagiu e chegou ao empate em 22 pontos. A virada veio no 24/23 e o duelo seguiu ponto a ponto até o Bauru fechar a parcial em 29/27.

As dificuldades encontradas pelo Sesi no primeiro set não se repetiram na segunda parcial, que foi totalmente dominada pela equipe. Forçando o saque e complicando a linha de passe do São José dos Pinhais, o Bauru abriu vantagem confortável no placar suficiente para fechar o set em 25/17.

No início do terceiro set, o Sesi abriu vantagem de cinco pontos no 12/7. São José dos Pinhais reduziu para dois pontos no 12/10 e Rubinho pediu tempo. No reinício, Bauru voltou a ampliar para cinco pontos no 15/10, manteve o ritmo e controlou as ações até fechar a parcial em 25/16.

As maiores pontuadoras do Sesi Vôlei Bauru no confronto foram a oposta Polina, com 18 pontos, a ponteira/oposta Tifanny, com 14, a central Adenizia, com 9, a central Mara, com 6, e a ponteira Suelle, com 4. Polina também ficou com o Troféu Viva Vôlei como destaque da partida.

'MORAL'

A levantadora Dani Lins afirma que o resultado serviu para o Sesi ganhar moral. "Precisávamos fazer um jogo bom para tirar aquele marasmo do desempenho contra o Osasco. Começamos com dificuldades, com elas sempre à frente, mas conseguimos reverter. A Polina também fez uma bela partida e vimos que precisamos de todo mundo. A Fê Isis e a Vanessa também jogaram e foi um jogo para voltarmos a ganhar moral", ressaltou pela assessoria de imprensa do Sesi.

Já o técnico Rubinho destacou o saque da equipe como o principal diferencial para a conquista da vitória. "Tivemos um primeiro set muito difícil, com a equipe adversária jogando muito bem, com muito volume defensivo. Estávamos bem também, mas elas conseguiram neutralizar nossos ataques e passar melhor, mas conseguimos equilibrar no final do set, impondo mais agressividade no saque e com o ataque funcionando bem", avaliou.

"Depois o jogo ficou mais tranquilo, quando conseguimos nos impor muito devido ao saque, cujo peso fez muito efeito e não as deixou jogarem muito. Isso para nós é fundamental e é nosso caminho para frente. Também conseguimos jogar melhor no ataque hoje", analisou o treinador.

Ler matéria completa