Bauru e grande região

Esportes

Duelo decisivo

Palmeiras encara Santo André e torce contra Novorizontino para não ser eliminado

02/05/2021 - 05h00

Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Mesmo com necessidade de vitória, técnico Abel Ferreira vai escalar Palmeiras alternativo

Depois de uma série de tropeços no Campeonato Paulista, o Palmeiras encara, neste domingo (2), o Santo André, no Estádio do Canindé, às 20h, em uma partida decisiva. Em situação complicada no grupo C do Estadual, o atual campeão corre risco de ser eliminado ainda nesta rodada. Se perder o jogo e o Novorizontino empatar ou vencer o Guarani em Campinas, a equipe palmeirense estará desclassificada.

A situação difícil no Estadual é reflexo de uma conjunção de fatores. O calendário apertado levou o Palmeiras a poupar titulares para priorizar outras competições. A pontuação alta dos concorrentes também pesa. Com 12 pontos em nove partidas, o Palmeiras estaria no segundo lugar das outras três chaves. Para uma infelicidade do clube, Red Bull Bragantino e Novorizontino fazem grandes campanhas e colocam ainda mais pressão.

Ciente de todo esse contexto, o clube trabalha em duas frentes. O objetivo é conseguir se classificar e se manter vivo pela disputa do bicampeonato, feito que não conquista desde 1993/94. O outro foco é evitar que a possível eliminação precoce seja interpretada como uma derrota, principalmente por causa das condições adversas do calendário de quem entra em campo a cada dois dias.

"(O Paulista) É uma competição única e exclusivamente para dar oportunidade aos mais novos. Mas estamos todos representando o Palmeiras", disse Abel na quinta-feira (29), após a derrota para a Internacional.

A equipe vai novamente escalar uma formação reserva para o jogo, afinal na terça-feira (4) o Palmeiras tem compromisso pela Libertadores diante do Defensa y Justicia, na Argentina. "Não jogamos sempre com a máxima força. Estamos dizendo que vamos tentar lutar pelo Paulista, mas com o sub-20, como foi com o Mirassol", prometeu o técnico português.

SANTO ANDRÉ

Não bastasse o risco de rebaixamento, o Santo André também tem convivido com uma sequência de quase dois meses sem vitória no Campeonato Paulista. O que torna ainda mais decisivo o confronto contra o Palmeiras.

A última e única vitória do time na competição ocorreu no dia 4 de março, diante da Ponte Preta por 1 a 0, em Campinas. Desde então o Santo André não alcançou a regularidade esperada e passou a conviver com as últimas posições na tabela de classificação.

Tanto é que recentemente o clube optou pela saída do técnico Paulo Roberto Santos e contratou Márcio Fernandes, que inclusive estreou no empate da última quinta-feira (29) com a Ferroviária por 2 a 2, em Araraquara.

Apesar do empate, o time do ABC Paulista teve bom rendimento e poderia ter saído com a vitória fora de casa. Razão pela qual o treinador não deverá fazer grandes mudanças no time titular.

A única novidade para este confronto é o retorno do volante PH, que cumpriu suspensão automática e está liberado para atuar ao lado de Wesley Fraga na marcação do meio-campo. Por outro lado, Léo Costa, Giovanni Palmieri e Fernandinho seguem como baixas e entregues ao departamento médico.

Ler matéria completa