Bauru

Esportes

Bucks é campeão da NBA e encerra jejum de 50 anos

Título conquistado nesta terça tira um peso das costas dos dirigentes e da comissão técnica do Bucks

22/07/2021 - 05h00

Milwaukee Bucks/Twitter

Giannis Antetokounmpo fez 50 pontos e pegou 14 rebotes no jogo decisivo

O Milwaukee Bucks voltou a ser campeão da NBA. Liderado pelo grego Giannis Antetokounmpo em mais uma vitória sobre o Phoenix Suns por 105 a 98, na noite de terça-feira (20), diante de sua torcida, a franquia encerrou a série final da NBA em 4 a 2, selando uma poderosa virada, após estar perdendo por 2 a 0.

Com uma atuação incrível, Antetokounmpo conduziu o Bucks ao seu segundo título da história, encerrando um jejum que completava exatamente 50 anos. O primeiro troféu da franquia de Wisconsin foi obtido em 1971, quando o pivô Kareem Abdul-Jabbar, uma das lendas da NBA, ainda era conhecido como Lew Alcindor - mudou de nome ao ser converter ao Islamismo - e superou o Baltimore Bullets.

O título conquistado nesta terça tira um peso das costas dos dirigentes e da comissão técnica do Bucks, que vinha registrando as melhores campanhas na temporada regular da NBA nos últimos anos. No entanto, vacilava nos playoffs. O próprio Antetokounmpo comemora o feito com alívio, uma vez que foi o MVP da NBA nas duas temporadas anteriores. Mas, nas horas decisivas dos playoffs, ele não conseguia liderar a equipe.

Nesta terça, o grego esteve longe de repetir as performances aquém do esperado. Pelo contrário, cresceu no momento decisivo. Foram nada menos que 50 pontos na partida decisiva. O cestinha do jogo ainda registrou um "duplo-duplo" por contribuir também com 14 rebotes. Ele foi eleito o MVP das finais.

Em noite discreta, Khris Middleton anotou 17 pontos, Bobby Portis registrou 16 e Jrue Holiday obteve um duplo-duplo de 12 pontos e 11 assistências. Do lado dos Suns, apenas Chris Paul fez boa exibição, com seus 26 pontos. Devin Booker, mais uma vez, ficou aquém do esperado, com seus 19 pontos, a maior parte deles marcada no segundo tempo da partida.

Se o Bucks chega ao segundo título, o Suns segue sem ser campeão da NBA, após chegar a três finais - em 1976 perdeu para o Boston Celtics e, em 1993, foi derrotado pelo Chicago Bulls.

Ler matéria completa