Bauru

Esportes

Rayssa Leal avança à decisão do STU Criciúma com melhor nota da semifinal

Foi neste sábado (15), na disputa das semifinais do STU Street Criciúma, na 1.ª etapa da categoria

por Estadão Conteúdo

16/01/2022 - 05h00

Reprodução redes sociais

Rayssa Leal avança à decisão do STU Criciúma com melhor nota da semifinal

A medalhista olímpica Rayssa Leal iniciou a temporada 2022 com uma grande apresentação neste sábado (15), na disputa das semifinais do STU Street Criciúma, primeira etapa do circuito nacional da categoria, e avançou à decisão em primeiro lugar, com a melhor nota do dia. A atual campeã do SLS, Pâmela Rosa, competiu na mesma bateria e ficou logo abaixo da adolescente, garantindo a vaga com o segundo melhor desempenho.

Gabriela Mazetto, Rafaela Murbach, Karen Feitosa, Virginia Fortes, Marina Gabriela e Giovana Dias foram as outras skatistas que conseguiram se classificar à final, marcada para domingo (16). A semifinal foi disputada em duas baterias, nas quais as competidoras fizeram duas voltas de 45 segundos seguidas por quatro tentativas de manobra.

Rayssa surpreendeu com a apresentação de manobras que ainda não havia tentado em competições e levou todos à loucura com o novo repertório. Com leveza e precisão na execução, a jovem de 14 anos garantiu o primeiro lugar ao somar 11,04 na pontuação final. Pâmela Rosa também trouxe novidades para a pista, apesar de ter caído na finalização. De qualquer forma, garantiu um 7,91 para avançar tranquilamente.

A terceira melhor pontuação foi Gabriela Mazetto, que somou 6,25 durante uma disputa acirrada com as participantes que vieram atrás na classificação para a grande decisão. Murbach, Feitosa, Fortes Águas e Marina Gabriela também ficaram na faixa dos seis pontos, enquanto Giovana Dias fez 5.88.

Depois das definições dos vencedores do feminino e do masculino do street, neste domingo, será a vez do STU Park, marcado para o próximo final de semana. A modalidade conta com mais estrelas do skate, como Pedro Quintas, Isadora Pacheco, Dora Varela e Yndiara Asp.

Ler matéria completa

×