Bauru e grande região

Geral

Casa da Afasia é inaugurada nesta quarta-feira

Projeto da FOB oferece terapia intensiva a pessoas com sequelas na fala após AVC

04/10/2017 - 07h00

A Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da USP inaugura nesta quarta-feira (4), às 18h, a Casa da Afasia.

O projeto foi financiado pela Fapesp em parceria com a FOB/USP e foi desenvolvido no Departamento de Fonoaudiologia com o objetivo de oferecer terapia fonoaudiológica intensiva a pessoas com sequelas na fala após um AVC.

A idealização do projeto surgiu após uma visita técnica de Magali de Lourdes Caldana, professora e chefe do Departamento de Fonoaudiologia da FOB, à Universidade da Flórida Central - University of Central Florida (UCF), onde conheceu a fundadora e diretora da "Aphasia House" (Casa da Afasia) a pesquisadora Janet Whiteside.

O projeto é inédito no Brasil. No câmpus da USP, foi construído um contêiner pela empresa bauruense RC Containers, próximo a Clínica de Fonoaudiologia, para a criação de um ambiente terapêutico assemelhando-se a uma casa.

Nesse espaço, são simulados alguns cômodos como: quarto, cozinha, sala e escritório, locais que são realizadas as sessões de terapia fonoaudiológica.

O atendimento aos pacientes foi iniciado em 25 de setembro. O objetivo é deixar o ambiente terapêutico bem próximo ao ambiente domiciliar proporcionando ao participante experimentar situações de sua rotina diária, sendo possível verificar quais as dificuldades encontradas e então criar estratégias para que essas barreiras sejam superadas..

O Projeto Casa da Afasia é coordenado pela professora Magali Caldana e é integrado pelas seguintes pesquisadoras e pós-graduandas da FOB: Natalia Carleto, Elen Caroline Franco, Natalia Caroline Favoretto, Cristina do Espírito Santo, Paula Grandini, Ariádnes Nóbrega de Oliveira, Marina Bighetti Godoy, Bárbara Casarin Henrique e Júlia Bastos.

O projeto tem uma parceria com a Unesp de Botucatu, que conta com a participação de um fonoaudiólogo, um fisioterapeuta e os neurologistas Luiz Eduardo Betting, Rodrigo Bazan e Gabriel Pereira Braga.