Bauru e grande região

Geral

Região tem capacidade para expandir exportação de frutas

Seminário gratuito da Assenag discutirá o tema na próxima sexta-feira (11)

por Cinthia Milanez

08/10/2019 - 04h44

Bruna Dias/Divulgação

Aloísio Costa Sampaio é diretor da Assenag e professor da Unesp

Com, ao menos, quatro grandes polos de produção de frutas e um entreposto aduaneiro, a região de Bauru tem capacidade para expandir as exportações deste segmento. O "Seminário de Certificação e Logística na Exportação de Frutas na Região de Bauru" discutirá o assunto na próxima sexta-feira (11), das 8h às 16h30, na sede da Associação dos Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Bauru (Assenag).

Quem organiza o evento é Aloísio Costa Sampaio. Ele também atua como engenheiro agrônomo, diretor da Assenag e professor da Faculdade de Ciências (FC) da Unesp, em Bauru.

De acordo com Aloísio, os principais polos do Centro-Oeste paulista estão em Itajubi (limão-taiti), Itápolis e Monte Alto (manga), Ubirajara (tangerina sem semente), além de Bauru (avocado). A produção destes municípios ganha mais força graças à existência de um entreposto aduaneiro, sediado em Bauru.

Para o professor, o chamado porto seco agiliza o processo. "O menor volume de cargas para avaliar, em relação ao Porto de Santos e aos aeroportos de Cumbica e Viracopos, dá rapidez à liberação dos produtos".

Segundo Aloísio, o cenário sinaliza condições de melhorar. "O nosso aeroporto tem vocação enquanto terminal de carga. Caso a ideia saia do papel, os produtores de frutas perecíveis, como figo e goiaba, também poderão utilizar o local", acrescenta.

O professor se referiu a este setor, especificamente, porque o transporte aéreo é direcionado aos produtos com alto valor agregado. Para frutas com maior durabilidade, como o avocado, compensa utilizar o mar.

PROGRAMAÇÃO

Aloísio abrirá o evento, com a palestra "A certificação Globalgap", às 9h. Ele falará sobre a necessidade de obter tal documento, que permite exportar dentro das normas do Mercado Comum Europeu.

Na ocasião, haverá outras discussões, como uma mesa-redonda mediada pelo deputado federal Capitão Augusto (PL). Os participantes farão, ainda, uma visita técnica ao Entreposto Aduaneiro (Eadi) local.

SERVIÇO

Gratuito, o "Seminário de Certificação e Logística na Exportação de Frutas na Região de Bauru" ocorrerá no dia 11 de outubro, das 8h às 16h30, no auditório da entidade, que fica na rua Doutor Fuas de Mattos Sabino, 1-15.

A organização só pede a doação de dois quilos de alimento não perecível, que serão revertidos ao Centro Espírita À Serviço do Mestre. Inscrições e programação completa: http://bit.ly/2lU21lP. Outras informações: (14) 3202-8130 ou (14) 99114-1710.

Viabilização

O evento do próximo dia 11 é organizado pela Assenag, em parceria com a Unesp, a Sedecon, a Sagra, a Prefeitura de Bauru, o governo estadual e a Apta. Patrocínio: Brotto, Jaguacy, Coopercitrus, Sindicato Rural de Bauru, Senar e RS. Apoio: Crea-SP e Jornal da Cidade.

Ler matéria completa