Bauru e grande região

Geral

Manutenção de edificações é alvo de discussões em Bauru

Seminário Cresce Brasil - Engenharia de Manutenção foi realizado nesta terça

23/10/2019 - 04h59

Heloísa Manduca/Divulgação

Ciro José Araújo, chefe da Seção de Engenharia de Estruturas do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado, durante o evento

Bauru recebeu, na tarde desta terça-feira (22), o Seminário Cresce Brasil - Engenharia de Manutenção, realizado pelo Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo, com apoio da Assenag, Sinduscon, Secovi, Crea, Amcesp e Prefeitura Municipal.

O encontro de âmbito regional proporcionou oportunidade de troca de experiências ao enfrentamento de questões relativas à conservação, inspeção e vistoria de estruturas.

No evento, a prefeitura apresentou da Lei Municipal de Conservação e Regularidade das Edificações, que, desde 1999, tornou obrigatória a emissão de laudos técnicos, a cada três anos, para edifícios com mais de três andares. O evento também contou com as palestra: "Modelo de inspeção em pontes e viadutos" e "Segurança e manutenção de instalações elétricas".

"A Seplan vem atuando, há anos, na fiscalização da manutenção predial dos edifícios, notificando os responsáveis para apresentarem os laudos técnicos", pontuou a secretária de Planejamento, Letícia Kirchner.

Interditados

Em Bauru, conforme o JC noticiou na última semana, a Defesa Civil da cidade já interditou, em 2019, quase o dobro de imóveis em relação ao ano passado inteiro.
Os dados apontam que 57 edificações bauruenses que ofereciam risco já foram fechadas no município neste ano. Em 2018 todo, foram 31 interdições.

Ler matéria completa