Bauru e grande região

Geral

Morre Wagner Grassi Gomide, do Sindpd e do Comtur

Ele tinha 65 anos e, segundo a família, sofria de uma doença degenerativa

por Vitor Oshiro

28/03/2020 - 17h13

João Rosan/JC Imagens

Wagner Gomide foi bancário e teve uma agência de turismo

Morreu, aos 65 anos, Wagner Grassi Gomide, diretor da Regional Bauru do Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados e Tecnologia da Informação do Estado de São Paulo (Sindpd). Ele sofria de uma doença degenerativa, segundo a família, e estava internado desde a última terça-feira (23) na UTI do Hospital da Unimed Bauru.

Wagner foi bancário, teve uma agência de turismo e, atualmente, estava aposenta O do. Além de sua forte atuação sindical, também batalhava para impulsionar o turismo da cidade. Inclusive, foi presidente do Conselho Municipal de Turismo de Bauru (Comtur).

"Meu pai era uma pessoa muito boa. Não media esforços para ajudar os outros. Ajudava em tudo que fosse possível. Era também muito honesto. Ficava muito bravo quando via coisas erradas sendo feitas por políticos, por exemplo. Herdamos muito dele essa honestidade que nós temos hoje", destaca Rafael Ribeiro Gomide, filho de Wagner.

"Prestamos nossas condolências e solidariedade aos familiares, amigos e companheiros deste grande amigo que, no decorrer de sua vida, prestou belíssimo exemplo de dedicação às nossas lutas sindicais. Vá em paz, meu amigo", lamenta Antonio Neto, presidente do Sindpd.

Wagner Grassi deixa os filhos Rafael e Camila e a esposa Márcia Ribeiro Gomide. O velório foi realizado até as 17h deste sábado (28) no Centro Velatório Terra Branca e o corpo será cremado no Jardim dos Lírios.

Ler matéria completa