Bauru e grande região

 
Geral

Parque Vitória Régia ganha 'abraço' de voluntários

Projeto "Abrace o Parque" une amantes da natureza com o objetivo de cuidar e manter o espaço limpo, proporcionando conscientização e preservação do local

por Ana Beatriz Garcia

16/09/2020 - 05h00

Jaime Prado/Divulgação

Parque Vitória Régia é palco do projeto "Abrace o Parque", dos amigos Adilson e Jaime

Cartão postal da cidade, ponto de encontro e de natureza em meio ao concreto, o parque Vitória Régia foi abraçado por um grupo de voluntários, a partir de julho deste ano. Idealizado pelo artista plástico e escritor Adilson Motta ao lado de seu amigo, cinegrafista e apaixonado pela mãe natureza Jaime Prado, o projeto "Abrace o Parque" tem como objetivo cuidar e manter o espaço limpo, proporcionando conscientização e preservação.

"Estava com meu amigo Jaime, plantando sementes de girassol, quando olhei para o lago e vi muitas sacolas plásticas e garrafas de cerveja boiando nas águas sujas da represa. Neste momento, comecei a retirar, das águas, algumas sacolas com auxílio de um galho seco. Cheguei a tirar umas 20 sacolas e umas 15 garrafas, as quais coloquei nas lixeiras disponíveis" relembra Motta.

Assim começou a iniciativa que, hoje, conta com um grupo de 8 a 10 voluntários que fazem trabalhos de conservação, preservação e manutenção. Os encontros acontecem três vezes na semana, na terça-feira, quinta-feira e aos sábados, sempre no período da manhã, das 8h às 10h30. Cada um ajuda como pode, seja recolhendo os lixos no chão e no lago, regando as sementes dos girassóis, das pitangas e dos ipês, ou conscientizando as pessoas que ali estiverem.

"Temos as plantações de girassóis, pitangas em volta do lago e também estamos cuidando e alimentando três casais de patos e um casal de marrecos. Até nomes estamos dando a eles. Estamos virando uma família", afirma.

DE CORAÇÃO

Jaime Prado já tem o costume de plantar e cuidar da vegetação pelo parque. Amante da natureza, ele destaca como o projeto ganhou proporções e repercussões importantes. "É bonito ver as crianças indo com os pais, as pessoas se envolvendo com amor ao projeto", conta.

Ele ainda relata que as pessoas que estão no parque, costumam questionar o grupo sobre o voluntariado. "Nos perguntam se trabalhamos para a prefeitura. Não, não temos politicagem. O intuito é fazer de coração. Então, nos falam: 'Vocês são tontos de trabalhar de graça?' e sempre respondemos que fazemos porque temos enorme amor à natureza", conta o cinegrafista.

APOIO

Através de doações particulares, o grupo ganhou dez primeiras camisetas do projeto "Abrace o Parque". Além disso, em contato com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma), melhorias podem ser conquistadas para o Vitória Régia. "Por conta das poucas lixeiras e, muitas delas, vandalizadas, nós pedimos à Semma que disponibilizassem tambores de 200 litros, por conta do volume de lixo que é retirado do local. Também solicitamos a planta do parque para setorizarmos nosso trabalho. Além disso, também esperamos pelo desassoreamento do lago, câmeras de segurança e iluminação noturna do parque", conclui Adilson Motta.

SERVIÇO

Para saber mais ou participar do grupo voluntário "Abrace o Parque", entre em contato pelos telefones (14) 98132-1480 ou (14) 99769-6816. Os voluntários estão no Parque Vitória Régia, sempre às terças, quintas e sábados, das 8h às 10h30.

Ler matéria completa