Bauru e grande região

Geral

Morre o professor Chicão do Aeroclube

Eurípedes Francisco de Almeida, de 74 anos, estava internado em um hospital particular e não resistiu à Covid-19

por Larissa Bastos

07/04/2021 - 05h00

Aceituno Jr./JC Imagens

Eurípedes Francisco de Almeida, em foto de 2011: era muito querido

Foi velado, em Bauru, na manhã desta terça-feira (6), o aviador e professor de aeronáutica Eurípedes Francisco de Almeida, mais conhecido como o professor Chicão do Aeroclube. Ele, que estava internado em um hospital particular do município, morreu na segunda-feira (5), aos 74 anos, vítima da Covid-19.

Nascido em Barretos, Chicão viveu em muitas cidades do Interior de São Paulo até se fixar em Bauru, onde realizou o sonho de trabalhar com aeronáutica e constituiu sua família. Entrou para a aviação aos 30 anos e, durante 40 anos, ensinou centenas de alunos no Aeroclube de Bauru.

Autodidata como piloto e apaixonado pela profissão de professor, Chicão voltou às salas de aula aos 60 anos para estudar Ciências Aeronáuticas na Instituição Toledo de Ensino (ITE). Recebeu o diploma das mãos do astronauta e ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, e do fundador da Embraer, Ozires Silva. Após a formatura, passou a ser professor no curso em que se formou.

Por conta das quatro décadas em que deu aula de aviação na cidade, acabou conhecido como Chicão do Aeroclube de Bauru. "Você deixou muito mais que um lindo legado, você deixou seu registro neste mundo dando asas para quem sempre desejou voar. E muito além, você acreditou em cada aluno que tinha dificuldade, esteve presente com seu jeito único de passar o conhecimento, seja ele da aviação, bem como um conselho de um querido amigo", publicou a diretoria do Aeroclube de Bauru nas redes sociais sobre o falecimento do professor.

HOMENAGEM

Na tarde desta terça-feira (6), o Aeroclube de Bauru e a comunidade aeronáutica fizeram uma homenagem na fonia (livre) para o Chico, quando todas as aeronaves hangaradas realizaram um acionamento do motor. A ação foi transmitida ao vivo pelo Facebook.

A ITE, local onde Chicão lecionava, também homenageou o professor nas redes sociais. "Neste momento difícil, pedimos a Deus que conforte a família, trazendo fé, esperança e a certeza que as lembranças ficarão sempre na memória, pois o que procede do coração permanece para sempre", escreveu.

Eurípedes Francisco de Almeida era viúvo e pai de três filhos.

Confira o vídeo em homenagem ao Chicão:

Crédito: Aeroclube/Reprodução

Ler matéria completa