Bauru e grande região

Internacional

Whisky é derramado em rio nos Estados Unidos

por Estadão Conteúdo

09/07/2019 - 15h00

O incêndio do armazém da Jim Beam, maior companhia vendedora de whisky do mundo, causou a destruição de cerca de 45 mil barris de licores na região central do estado de Kentucky nos Estados Unidos. O fogo, que começou na última terça-feira (2), foi extinguido no fim de semana. 

Segundo as autoridades, a explosão causou um derrame do álcool no rio Kentucky. A Agencia Ambiental de Kentucky comunicou através das suas redes sociais que são 37 km de comprimento de licor que emanam desde o armazém. As autoridades ambientais afirmaram que mortes de peixes já foram relatadas.

Apesar da perda de dinheiro com o whisky derramado, os oficiais pretendem deixar o máximo de álcool possível queimar, para diminuir o impacto nos rios ali perto. "Quanto mais for permitido queimar do destilado, menos será a quantidade de whisky quando eles controlarem o fogo, minimizando, assim, o escoamento contaminado, que iria para o riacho, desaguar no rio" afirmou o diretor de gerenciamento de emergência do Condado de Woodford Drew Chandler. As imediações do armazém da companhia Jim Beam serão examinadas por especialistas, a fim de avaliar o impacto sobre a fauna e flora local. 

A porta-voz Emily Bryson York, afirmou que não haverá interrupções até suprir o resultado desta perda. "Continuamos a construir armazéns adicionais em Kentucky como parte dos planos de expansão de capacidade em curso", apontou.