Bauru e grande região

 
Internacional

Comissão Europeia vê Biden como amigo

Ursula von der Leyen diz que União Europeia e EUA devem trabalhar juntos e diz ter agora um 'amigo na Casa Branca'

por Gabriel Caldeira

21/11/2020 - 05h00

Reuters

Ursula no plenário virtual do G20: preocupação ambiental

Londres - A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, delineou estratégias para uma nova aliança entre a União Europeia (UE) e os Estados Unidos, em discurso durante evento do Conselho Europeu de Relações Exteriores (ECFR, na sigla em inglês).

Segundo a dirigente, o primeiro passo a ser dado pelas nações do bloco, em parceria com os norte-americanos, é garantir que países mais pobres tenham acesso a diferentes vacinas que estão sendo desenvolvidas contra o novo coronavírus uma vez que elas forem aprovadas. O intuito desses esforços é o de dar suporte ao restante do mundo durante a recuperação econômica após a pandemia.

PANDEMIA

"Há grande impacto econômico com a segunda onda de Covid-19 na Europa e em todo o mundo", afirmou von der Leyen em seu discurso, acrescentando que EUA e UE podem trabalhar juntos por uma recuperação "mesmo durante o abismo causado pela pandemia".

Para a presidente da CE, a vitória do democrata Joe Biden nos EUA fará com que as relações com os norte-americanos melhorem nos próximos anos. "Temos agora um amigo na Casa Branca", disse Von der Leyen, informando que os líderes da UE devem se reunir com o presidente eleito dos EUA em breve para discutir o futuro das relações entre o país e o bloco.

Incluída na lista de assuntos que Von der Leyen afirma querer avançar com os EUA está a questão ambiental. Segundo ela, foram quatro anos "difíceis" para esta agenda enquanto Donald Trump esteve no poder, e ela diz esperar uma nova postura americana sobre o assunto a partir do ano que vem. 

 

Ler matéria completa