Bauru

Internacional

Afeganistão proíbe novelas com atrizes

Jornalistas terão que usar véu

por FolhaPress

25/11/2021 - 05h00

Cabul - Três meses depois de retomar o poder no Afeganistão prometendo moderação e um regime diferente do quase medievalismo visto no final da década de 1990, o Talibã publicou um pacote de diretrizes para a mídia no país que mostra que a realidade guarda bastante distância do discurso.

A primeira regulamentação do setor desde que o grupo fundamentalista islâmico reassumiu o controle do país na prática afeta drasticamente o trabalho de mulheres em emissoras de televisão.

Segundo as novas regras, fica proibida a transmissão de dramas de TV que incluem atrizes -medida que mira, por exemplo, novelas produzidas na Turquia e na Índia, bastante populares em tempos recentes e fundamentais para a renda de muitos canais.

O Talibã também vai passar a ordenar que jornalistas mulheres que apresentem notícias na TV se vistam com um hiyab, véu islâmico que cobre o cabelo e o pescoço, deixando o rosto visível.

Ler matéria completa

×