Bauru e grande região

Nacional

Bloomberg vence em vilarejo dos EUA

Milionário democrata se destaca em prévia de New Hampshire e "briga" com Trump

por Reuters

12/02/2020 - 06h00

Nova York - A sombra do ex-prefeito de Nova York Michael Bloomberg sobre a corrida presidencial do Partido Democrata aumentou um pouco mais nesta terça-feira (11), após sua surpreendente vitória, mesmo sem participar da disputa, em um vilarejo que tradicionalmente inicia as votações da primária de New Hampshire (NH).

Sem participar de quatro primárias estaduais o empresário bilionário recebeu três dos cinco votos registrados logo após a meia-noite pelos residentes de Dixville Notch.

BRIGA NO TWITTER

Após a vitória, houve discussão pública pelas redes sociais. O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o pré-candidato presidencial democrata Michael Bloomberg acusaram um ao outro de racista nesta terça-feira, agravando uma guerra de palavras entre os dois empresários ricos.

Trump foi o primeiro a atacar, publicando no Twitter um áudio de 2015 no qual Bloomberg defende a diretriz polêmica de "parar e revistar" que adotou como prefeito de Nova York entre 2002 e 2013.

"UAU, BLOOMBERG É TOTALMENTE RACISTA!", escreveu Trump no tuíte, em letras maiúsculas, como xingamento, apagado mais tarde.

Trump também já defendeu a diretriz.

Bloomberg citou o que classificou como seu comprometimento com a reforma da justiça criminal e a igualdade racial, acrescentando: "Em contraste, o presidente Trump herdou um país que marchava para uma igualdade maior e nos dividiu com apelos racistas e uma retórica odiosa."

 

Ler matéria completa