Bauru

Nacional

Dupla 'sequestra' transporte coletivo após assalto que terminou com militar morto no PA

Na tentativa de fugir, os dois assaltantes entraram em um segundo coletivo, onde fizeram os passageiros reféns

por FolhaPress

14/05/2022 - 16h15

Ilustração

De acordo com a polícia, as postagens nas redes sociais foram uma exigência dos próprios criminosos aos reféns

Duas investidas contra ônibus de Belém (PA), na noite desta sexta-feira (13), resultaram em um cabo da Aeronáutica morto, 20 passageiros reféns e a principal saída da cidade interditada.

No assalto, o militar reagiu e foi morto pelos bandidos com um tiro na cabeça. Na tentativa de fugir, os dois assaltantes entraram em um segundo coletivo, onde fizeram os passageiros reféns. A polícia negociou a liberação dos 20 civis no interior do veículo, o que foi feito por volta das 23h20.

Nas imagens, divulgadas nas redes sociais pelos próprios passageiros — que ficaram com a posse de seus pertences — é possível ver que dois civis foram imobilizados por trás por dois homens armados, que dialogavam com as pessoas no interior do veículo.

De acordo com a polícia, as postagens nas redes sociais foram uma exigência dos próprios criminosos aos reféns, que também pediram para que eles escondessem o material do roubo realizado no primeiro ônibus.

O primeiro crime, segundo a Polícia Militar, foi registrado por volta das 20h40, na rodovia Pedro Álvares Cabral, bairro Sacramenta, envolvendo um coletivo que fazia a linha Marituba.

"Dois bandidos anunciaram o assalto, um militar da Aeronáutica, que estava no ônibus, reagiu e foi morto a tiros. Na fuga, eles entraram em outro coletivo e passaram a ser acompanhados pela polícia", contou o comandante da 27º Batalhão PM, Tenente Cel. Mikel.

A vítima foi identificada como o cabo da Força Aérea Brasileira Jax Coelho Garcia, 39.

Ler matéria completa

×