Bauru e grande região

Polícia

Reclamação em rede social termina em tentativa de homicídio

Um mecânico recebeu críticas pelo Facebook e, neste sábado, efetuou dois disparos contra o reclamante

por Cinthia Milanez

11/08/2019 - 19h32

Bruno Freitas/JC Imagens

Plantão policial em Bauru

O grupo "Aonde não ir em Bauru", no Facebook, é utilizado para denunciar problemas envolvendo estabelecimentos comerciais, como serviços mal feitos e falta de higiene. Um mecânico recebeu críticas por lá e, neste sábado (10), efetuou dois disparos de arma de fogo contra o reclamante, no Parque Val de Palmas, em Bauru.

Conforme consta no boletim de ocorrência (BO), um autônomo mandou o autor do crime retificar o motor da sua moto. Na ocasião, parte do pagamento se deu à vista. O restante foi parcelado e trocado por lanches, já que a vítima possui uma lanchonete.

No entanto, o motor começou a apresentar problemas e o mecânico, segundo o registro da polícia, dizia que havia arrumado até que a garantia, de três meses, acabasse. Então, o autônomo decidiu desabafar na rede social.

Ao tomar ciência, o autor passou a ameaçar a vítima, chegando a invadir a sua residência e a agredi-la. Na manhã de ontem, o autônomo registrou um BO por ameaça, lesão corporal, dano ao patrimônio e violação de domicílio.

Tal iniciativa não bastou. À noite, o autor tentou cumprir o que prometeu, afinal, retornou à casa acompanhado de outras quatro pessoas. Naquele momento, a vítima estava na lanchonete, que fica na parte da frente da residência. O mecânico sacou a arma e efetuou dois disparos na direção do autônomo, que saiu ileso.

Em seguida, a vítima correu para dentro da casa e os cinco o perseguiram. O autônomo e a sua esposa foram agredidos. Os autores também danificaram objetos da residência e do estabelecimento comercial.

O caso foi registrado como tentativa de homicídio, dano ao patrimônio e lesão corporal. Por enquanto, nenhum dos suspeitos foi preso.

Ler matéria completa