Bauru e grande região

Polícia

Morador de rua morre depois de levar rasteira

Homem de 37 anos foi derrubado por um jovem; ele foi encaminhado ao Pronto-Socorro Central, mas não resistiu aos ferimentos na cabeça

por Ana Beatriz Garcia

17/03/2020 - 06h00

Malavolta Jr.

Delegado Richard Serrano viu as imagens da câmera de segurança

Um homem de 37 anos morreu, na madrugada desta segunda-feira (16), após uma queda na região da Cidade Universitária, em Bauru. A vítima, um morador de rua, levou uma rasteira de um jovem em frente a um estabelecimento comercial na quadra 29 da av. Nações Unidas e bateu a cabeça. Marcos Vinícius Siloto foi conduzido ao Pronto-Socorro Central (PSC) pelo Samu, mas não resistiu. 

O caso, que inicialmente foi registrado como morte suspeita, continuou sendo investigado pela Polícia Civil durante o dia e teve sua tipificação alterada para lesão corporal seguida de morte.

De acordo com o delegado Richard Serrano, que viu as imagens da câmera de segurança do estabelecimento, um grupo de cerca de sete jovens estava em frente ao local quando Marcos Vinícius se aproximou deles. "Um rapaz vestido de camiseta, bermuda e boné pretos (o último com um detalhe em laranja) estava um pouco destacado dos outros e, aparentemente, alterado. Ele se aproxima da vítima e, pelas costas, passa uma rasteira", afirma.

As imagens foram encaminhadas às equipes do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) que estiveram no local. De acordo com o BO, em frente ao estabelecimento, a Polícia Civil encontrou manchas de sangue e, no PS Central, a enfermeira que teria atendido a vítima afirmou que ele estava com forte odor etílico.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, após a queda, o morador de rua estava consciente e foi colocado sentado em uma mureta em frente ao restaurante. Depois de o homem ser socorrido pelo Samu, por volta das 5h, a equipe do PSC comunicou o óbito. A Polícia Civil continua investigando o caso.

Ler matéria completa