Bauru e grande região

Política

Violência em escolas será discutida nesta quinta-feira

Audiência pública foi convocada por Serginho Brum e Yasmim Nascimento

29/05/2019 - 11h55

Divulgação
Iniciativa é dos vereadores Yasmim Nascimento e Serginho Brum

Os recentes e frequentes episódios de violência em escolas motivaram a convocação de audiência pública agendada para esta quinta-feira (30), às 15h, no Plenário da Câmara Municipal de Bauru. O tema, inclusive, foi alvo de ampla reportagem do JC no mês passado. A iniciativa da audiência é dos vereadores Serginho Brum (PSD), presidente da Comissão de Educação da Casa, e Yasmim Nascimento (PSC).

Ambos destacam a importância de discutir soluções para ameaças de violências físicas e psíquicas sofridas especialmente por professores. “A ideia é reunir a sociedade, os órgãos de segurança e as instâncias do poder público para debater o tema e pensar em ações para combater essas agressões em ambiente escolar”, diz Serginho.

Em abril, Yasmim já havia tratado o tema na Tribuna Legislativa, lamentando a “naturalização” dos casos de violência.

De acordo com a Secretaria de Estado da Educação, o número de episódios cresceu 189% entre 2017 e 2018, considerando o período de janeiro a maio.

CONVOCADOS

Para a audiência, foram convocados os secretários municipais de Educação, Isabel Miziara, de Saúde, José Eduardo Fogolin, e do Bem-Estar Social, José Carlos Fernandes, além de todos os Cras, Creas e os Conselhos Tutelares 1 e 2.

Foram convidados o prefeito Clodoaldo Gazzetta; a dirigente regional de ensino, Gina Sanchez; o juiz da Vara da Infância e da Juventude de Bauru, Ubirajara Maintinguer; a presidente da OAB-Bauru, Márcia Regina Negrisoli Fernandez Plettini; a Polícia Militar; o Conselho Regional de Psicologia (CRP); a Apeoesp; e representantes dos cursos de Ensino Superior em Psicologia.