Bauru e grande região

Política

DAE pede reajuste e prefeito decide hoje

Tarifa de água pode ter aumento de 2,89% com base no índice da inflação e definição cabe ao prefeito Gazzetta

por Thiago Navarro e Marcele Tonelli

08/11/2019 - 04h51

Tainá Vétere

O presidente do DAE, Eliseu Areco Neto, mostrou estudo ao prefeito

O Departamento de Água e Esgoto (DAE) entregou nesta quinta-feira (7) ao prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD) o pedido de reajuste na tarifa de água. O aumento solicitado é de 2,89%, equivalente à inflação acumulada nos últimos 12 meses, segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

De acordo com o presidente do DAE, Eliseu Areco Neto, o estudo apresentado mostra a necessidade de manutenção do equilíbrio financeiro da autarquia. "Estamos trabalhando com o índice de reposição da inflação", cita. Já o prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD) afirma que vai analisar o estudo e tomará uma decisão hoje. "Vou ler o material e ver tudo o que foi apresentado pelo DAE, se for compatível autorizo o reajuste nesse percentual. Mas posso autorizar algo menor ou mesmo recusar", lembra. Se o aumento for autorizado, deve começar a valer no mês que vem.

O último reajuste da tarifa de água foi em 2017. No ano passado, o DAE teve uma recomposição tarifária, com a tarifa de esgoto passando a custar 65% do valor da tarifa de água - antes o percentual era igual - mas sem impacto para o consumidor. Desta vez, a autarquia pede a reposição inflacionária.

Conforme o JC mostrou no último domingo, o DAE tem cerca de 740 servidores e gasta, em média, R$ 3,5 milhões por mês com salários, R$ 2,5 milhões em energia elétrica, e mais R$ 5 milhões para custeio, compra de insumos e manutenção de equipamentos, combustível, plano de saúde e alimentação dos servidores. O valor para investimentos é menor do que R$ 1 milhão mensal.

DECRETO

O reajuste na tarifa de água depende apenas de decreto assinado pelo prefeito. Neste caso, não é necessário mandar projeto de lei pedindo a autorização da Câmara, uma vez que compete ao Poder Executivo determinar o valor das tarifas, como a de água, estacionamento rotativo e transporte coletivo.

 

Ler matéria completa