Bauru e grande região

Política

Bauru segue o Plano SP, mantém outras restrições e autoriza retirada

Está mantida a proibição de venda de bebidas alcoólicas das 18h até 6h do dia seguinte, em todos os dias da semana

11/04/2021 - 05h00

Malavolta Jr.

Prefeita Suéllen Rosim

A Prefeitura de Bauru publicou decreto em edição extra do Diário Oficial neste sábado (10). O município vai seguir o Plano São Paulo, que sai da fase emergencial e entra na fase vermelha, entre 12 e 18 de abril. Com isso, todas as medidas restritivas previstas no Plano São Paulo devem ser cumpridas.

O município também vai manter algumas medidas ainda mais restritivas, que já estavam valendo, como a proibição da venda de bebidas alcoólicas das 18h às 6h do dia seguinte, em todos os dias da semana, e o limite de ocupação de 30% da capacidade do imóvel nos supermercados, com a entrada de uma pessoa por família apenas.

Outra medida mantida é a distância mínima de três metros entre as barracas nas feiras livres. O uso de máscara em espaços públicos e estabelecimentos segue obrigatório, assim como a proibição de qualquer tipo de aglomeração. A Prefeitura de Bauru lembra que segue integralmente o Plano São Paulo, enquanto aguarda a decisão final de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) sobre a lei municipal das atividades essenciais, que tramita pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP).

RETIRADA NO BALCÃO

Com a volta da fase vermelha, o comércio poderá fazer a entrega de produtos no balcão. A medida é válida também para restaurantes, bares e lanchonetes. A retirada no balcão fica permitida, a partir de segunda-feira, das 5h às 20h, em todos os dias da semana.

A retirada através de drive thru também pode ocorrer das 5h às 20h, em todos os dias. O sistema de entrega na casa do cliente, o delivery, continua permitido por 24 horas, diariamente, para todos os segmentos comerciais.

Os shoppings centers poderão autorizar a entrada de clientes apenas para a retirada de produtos no balcão das lojas, até às 20h. A entrada deve ser controlada, com o cliente indo apenas retirar o produto, e sem entrar na loja. O drive thru também pode ser adotado nos shoppings, no mesmo horário. Já a praça de alimentação e áreas de lazer devem ficar fechadas.

 

Ler matéria completa