Bauru

Política

Pré-candidato a deputado estadual, Davi Pires quer assembleias com o Interior antes de votação na AL

Ex-prefeito eleito com votação histórica em Pratânia anuncia sua pré-candidatura

por Marcele Tonelli

22/06/2022 - 05h00

Juliana Rehder

Davi Pires Batista é ex-prefeito de Pratânia, eleito em votações históricas no município

"Meu lema é gente em primeiro lugar, assim eu fiz com os servidores e a população de Pratânia e pretendo repetir com toda a região". A frase é de Davi Pires Batista, o ex-prefeito mais jovem da cidade Pratânia, eleito pela primeira vez em 2016 em uma votação histórica, que lhe rendeu 68,63% dos votos válidos do município, que possui cerca de 5 mil habitantes. Reeleito em 2020, Pires renunciou em março deste ano para se lançar como pré-candidato a deputado estadual pelo Avante na região. Em Bauru na última semana, ele falou sobre suas bandeiras e atuação. Entre as propostas está a realização de assembleias constantes com o Interior, como forma de colocar em discussão com a população os projetos antes que as votações ocorram na Assembleia Legislativa (AL).

"Meu modo de agir será por meio de assembleias no Interior. Antes que um projeto seja votado, buscarei discuti-lo e ouvir a opinião das pessoas, especialmente das que conhecem a área e das que serão atingidas por ele. Carrego isso comigo, porque o político, depois de eleito, costuma achar que sabe tudo, eles viram médicos, jornalistas. E eu não tenho esse ego", ressalta Pires. "Minha proposta é trabalhar para as pessoas da nossa região e firmar parcerias com as entidades, com as lideranças políticas e religiosas para discutir também nessas assembleias as nossas dificuldades", acrescenta Pires.

TRAJETÓRIA

Nascido em Botucatu, Davi é filho de comerciários e conta que ajudava os pais e os nove irmãos em uma padaria desde os 10 anos.

Foi na juventude que ele passou a entender a máquina pública e a tomar gosto pela política, após atuar por alguns anos com cargo em comissão na assistência social da Prefeitura de Pratânia.

"Eu sou do social, minha bandeira é a humanização, é ajudar as pessoas. Eu tinha 25 anos quando entrei para a política e me candidatei a vereador, porque várias pessoas me pediram. E, deu certo, fui o parlamentar mais novo da história da cidade e também o mais votado. E acabei como presidente da Câmara por dois anos", elenca Pires.

Crítico do cenário político de polarização, ele se coloca como uma opção de liderança disposta a trazer esperança aos desacreditados. "Assim como eu mostrei para Pratânia que é possível fazer boa política e ter palavra, quero mostrar para toda a região. Ser honesto é obrigação de um político. E eu quero e devolver a esperança para as pessoas que estão desacreditadas da política polarizada, em que não se discute as necessidades reais da população e o destino do País", finaliza.

Ler matéria completa

×