Bauru e grande região

Regional

Homem é encontrado morto após assassinar sua esposa em Ibitinga

por Lilian Grasiela

20/03/2012 - 01h20

Ibitinga – No final de semana, em Ibitinga (9

quilômetros de Bauru), um homem de 47 anos matou a esposa de 43 anos com uma facada no peito. Momentos depois, o acusado foi encontrado agonizando, com uma perfuração no pescoço. Ele chegou a ser levado à Santa Casa da cidade, mas morreu após passar por cirurgia. O suspeito do crime é o filho da primeira vítima, que teria assassinado o padrasto para vingar a morte da mãe.

 

De acordo com a Polícia Militar (PM), por volta das 13h3

do domingo, após discutir com o marido, o motorista Rosélio Batista, a lavradora Neuza Gonçalves da Silva foi até a casa do proprietário da residência onde o casal mora, na rua José Martinelli Corrêa, vila dos Bancários, para buscar o carnê do IPTU deste ano.

 

Momentos depois, o motorista chegou ao local e, após uma nova discussão, golpeou a mulher com uma facada no peito. A testemunha tentou intervir e acabou recebendo uma facada no braço, que lhe causou ferimentos leves. Depois do crime, o acusado fugiu. Segundo a polícia, a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu antes da chegada do socorro.

 

Ainda de acordo com a PM, cerca de uma hora após o homicídio, a polícia recebeu a informação de que um homem havia sido esfaqueado na garganta na rua Rosa Simões, no jardim Três Irmãos. Ao chegar ao endereço, a polícia descobriu que tratava-se de Rosélio. Ele chegou a passar por cirurgia na Santa Casa, mas morreu no final da tarde.

 

Segundo a PM, há a suspeita de que o motorista tenha sido morto pelo filho de Neuza, conhecido por Buiu (a identidade dele não foi revelada). Até o fechamento desta edição, ele não havia sido localizado para apresentar sua versão dos fatos. O JC entrou em contato com a delegacia de Ibitinga, mas o delegado não foi encontrado para falar sobre o caso.