Bauru e grande região

Regional

Lama preta que cobriu Rio Tietê já chega ao trecho próximo à barragem de Barra Bonita

Helio Palmesan, da ONG Mãe Natureza, acredita que reservatório vai diluir a mancha

por Marcus Liborio

02/12/2014 - 07h00

A lama preta que cobriu o Rio Tietê em Salto na última quinta-feira (27) e matou cerca de 40 toneladas de peixe chegou ontem próximo à barragem de Barra Bonita.

Segundo o presidente da ONG Mãe Natureza, Hélio Palmesan, a mancha está concentrada no remanso do reservatório de Barra Bonita, região de Botucatu, 100 quilômetros rio abaixo. No entanto, por enquanto, profissionais estão monitoramento para acompanhar a evolução na coloração da água. “Vamos aguardar para ver até onde essa lama vai chegar. Mas acredito que nosso reservatório irá diluí-la bem, evitando grandes problemas”, disse. Ainda de acordo com Palmesan, a ONG Mãe Natureza e Fundação SOS Mata Atlântica devem dar início a uma apuração sobre as causas da lama preta em Salto.

“Vamos averiguar. Já temos equipes fazendo estudos sobre o caso e, em breve, pediremos providências junto a órgãos competentes”, enfatizou. Com o deslocamento da mancha, os peixes do rio acabaram se movimentando para os afluentes em busca de refúgio. Neste caso, as tubulações dos emissários de esgotos agiram como uma espécie de barreira para o regresso dos peixes ao Tietê, onde ficaram retidos na água rasa.