Bauru e grande região

Regional

ONG ganha área para abrigar animais que aguardam adoção em Pirajuí

Lar temporário para cães que estão aguardando adoção irá funcionar em imóvel anexo ao prédio da delegacia

por Lilian Grasiela

16/05/2017 - 07h00

Marcus Libório
Área de 600m quadrados será adaptada para receber animais em tratamento que aguardam adoção

Atendendo a pedido feito no ano passado pela Associação Amigos dos Animais de Pirajuí (AAAP), conhecida como Late, Mia & CIA, a Polícia Civil cedeu uma área anexa ao prédio da delegacia da cidade para que a entidade construa um abrigo temporário para animais em tratamento que aguardam adoção.

O uso gratuito do imóvel, que tem 600 metros quadrados, foi autorizado na semana passada. O presidente da ONG, Paulo Henrique Vicari, afirma que a notícia não poderia ter vindo em melhor hora. "A gente tinha uma casa que estava usando provisoriamente, mas o proprietário pediu ela de volta", conta.

Segundo ele, o local não irá abrigar mais do que dez animais. "A gente tem consciência de que lá não é um local para a gente abrigar uma infinidade de animais porque fica no Centro da cidade, tem vizinhos", diz. "Nós vamos abrigar somente aqueles animais que estão em fase de tratamento para adoção".

Inicialmente, apenas cães serão levados para o espaço. "Se der certo, a gente pretende fazer para gatos porque temos uma demanda muito grande de gatos também", explica. De acordo com Vicari, o abrigo contará com uma estrutura simples, composta de baias com cobertura de telhas de zinco.

AUTORIZAÇÃO

Para fazer as adequações no terreno, o presidente da ONG aguarda autorização do Poder Judiciário para uso de parcela das transações penais transferida para a entidade. Segundo ele, projeto inicial apresentado pela associação previa o uso do recurso para a compra de um veículo para o resgate de animais.

"A gente está pedindo a mudança da aplicabilidade desse dinheiro para que a gente possa, com esse dinheiro, iniciar as obras", declara. A partir da autorização, Vicari calcula que o abrigo poderá começar a funcionar em aproximadamente 20 dias.

PROTEÇÃO

O delegado titular de Pirajuí, César Ricardo do Nascimento, que autorizou a cessão do imóvel após parecer favorável da Delegacia Seccional de Bauru, justificou na portaria de autorização que a Polícia Civil vem se empenhando para garantir a proteção aos direitos dos animais.

Segundo o documento, a Late, Mia & CIA ficará responsável pela limpeza, conservação e integridade do local, além do pagamento de despesas com água, luz, tributos e eventuais multas. A limpeza deverá ser feira diariamente com o objetivo de evitar propagação de odores.